A-A+

Salário mínimo será de R$ 1.045 a partir de fevereiro, anuncia Bolsonaro

Após reunião com o ministro Paulo Guedes, o presidente afirmou que enviará uma nova Medida Provisória ao Congresso para substituir a proposta enviada em dezembro

Presidente Jair BolsonaroPresidente Jair Bolsonaro - Foto: Isac Nóbrega / PR

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) anunciou nesta terça-feira (14) que o governo fará um novo reajuste do salário mínimo para recompor integralmente a inflação. A partir de fevereiro, o valor será de R$ 1.045.

Após reunião com o ministro Paulo Guedes (Economia), o presidente afirmou que enviará uma nova MP (Medida Provisória) ao Congresso para substituir a proposta enviada em dezembro, que reajustava o piso salarial do país de R$ 998 para R$ 1.039.

Leia também:
Bolsonaro diz que há brecha para elevar salário mínimo e recompor inflação
Governo economiza R$ 1,9 bilhão com salário mínimo defasado


O valor anterior estipulado em dezembro, que levou em conta a inflação de janeiro a novembro de 2019 mais uma estimativa para dezembro, acabou ficando abaixo da inflação oficial, divulgada na última semana.

"Nós tivemos uma inflação atípica em dezembro, não esperávamos que fosse tão alta assim, mas foi tudo basicamente da carne", afirmou o presidente.

Veja também

Comissão aprova texto-base da PEC dos precatórios, que dribla o teto de gastos
PRECATÓRIOS

Comissão aprova texto-base da PEC dos precatórios, que dribla o teto de gastos

CMN remaneja R$ 1,3 bi para cafezais afetados por geadas
Agricultura

CMN remaneja R$ 1,3 bi para cafezais afetados por geadas