A-A+

Comemoração

Sefaz celebra 130 anos nesta terça-feira (21)

Sede da Secretaria da Fazenda de PernambucoSede da Secretaria da Fazenda de Pernambuco - Foto: Divulgação/Sefaz-PE

A Secretaria da Fazenda de Pernambuco celebra 130 anos de fundação nesta terça-feira. Como forma de comemorar a data, a pasta irá realizar uma solenidade comemorativa, em ambiente virtual, com a participação dos servidores e de diversas autoridades do Estado. A pasta é uma das mais importantes do governo do Estado, liberando recursos para obras, orientação quanto à diretriz governamental de gestores, entre outras atuações.

O evento acontece no auditório do edifício sede, na Rua do Imperador e haverá descerramento de placa, homenagens e apresentação de vídeos, além do lançamento de um livro em alusão aos 130 de história da secretaria.

Fundada em 21 de setembro de 1891, a Secretaria reafirma por décadas o seu papel, integrando-se às mais diversas forças tarefas em épocas distintas e ajustando-se às mais desafiadoras conjunturas políticas e socioeconômicas.

Segundo o governador Paulo Câmara, que foi secretário da Fazenda entre os anos de 2011 e 2014, a pasta é importante para manter o Estado com o orçamento e contas ajustadas. “Para mim é motivo de muita alegria e satisfação poder participar de um momento tão especial da história centenária da Secretaria da Fazenda de Pernambuco. Ao longo das últimas décadas, fazendários e fazendárias, das mais diversas gerações, se mantiveram firmes na missão diária de controlar e contabilizar os recursos públicos do nosso povo”, disse.

Capacidade de investimento
De acordo com o secretário da Fazenda, Décio Padilha, o trabalho desempenhado resulta na melhoria do ambiente econômico pernambucano para realização de investimentos.

“Nós estamos dando continuidade à bela história da Sefaz-PE, executamos um trabalho árduo e digno de honrar a história dos muitos técnicos de reconhecida competência que passaram pela secretaria. Como exemplo, cito a conquista pelo trabalho incansável do corpo técnico da Secretaria, para alcançar  uma nova capacidade de pagamento”, declarou.

Décio Padilha, secretário da Fazenda de Pernambuco Décio Padilha, secretário da Fazenda de Pernambuco 

Em maio deste ano, o Estado alcançou a certificação do investment grade Capag B, a certificação de capacidade de pagamento da Secretaria do Tesouro Nacional, do Ministério da Economia. A conquista representou para o Estado a possibilidade de realizar operações de crédito junto às instituições financeiras nacionais e internacionais, refletindo em um forte impulso no desenvolvimento econômico e social, com impacto direto na vida do cidadão.

A partir de janeiro do próximo ano, Pernambuco estará liberado para captar R$ 2,4 bilhões só em operações de crédito. Considerando a aplicação de R$ 1,3 bilhão em recursos próprios, Pernambuco triplica a capacidade de investimento em relação aos três anos anteriores.

Veja também

A recompensa pelos esforços não foi mera causalidade
NEM 8, NEM 80

A recompensa pelos esforços não foi mera causalidade

Relatório para apoiar a retomada econômica do Estado
Incentivo

Relatório para apoiar a retomada econômica do Estado