Salário

Segunda parcela do 13º deve ser paga nesta sexta-feira (18)

Prazo legal é até 20 de dezembro, mas como a data será um domingo este ano, advogados da área trabalhista explicam que vencimento é hoje

Segunda parcela do 13º deve ser paga até hojeSegunda parcela do 13º deve ser paga até hoje - Foto: USP Imagens

Os trabalhadores com carteira assinada, aposentados e pensionistas devem receber nesta sexta-feira a segunda parcela do 13º salário. Anualmente, os beneficiários recebem a segunda parte do benefício até o dia 20 de dezembro, porém, este ano, a data será em um dia não útil, acarretando a antecipação do pagamento para evitar multas às empresas. Nesta segunda parcela, os trabalhadores recebem um valor inferior comparado a da primeira parte, paga até 30 de novembro, por conta da aplicação de descontos como INSS, Imposto de Renda e pensão alimentícia.

Segundo a advogada previdenciária e trabalhista Gabriela Sabino, as empresas devem antecipar o pagamento para evitar multas. “A lei estabelece que a parcela tem que ser paga até o dia 20 de dezembro de cada ano, mas como neste ano cai em um domingo, as empresas devem antecipar. A lei não traz nenhum dispositivo que diga que obrigatoriamente a parcela tem que ser adiantada, mas quando passa desse prazo, existe a aplicação de uma multa que a empresa pode sofrer. Não é uma obrigatoriedade pagar no dia 18, a questão é a possibilidade de incidência dessa multa”, pontua Gabriela Sabino.

As empresas que não realizarem o pagamento ou efetuarem com atraso recebem uma multa do Ministério da Economia, no valor de R$170,25 por empregado. Se houver reincidência no atraso, essa multa será dobrada. Além disso, o trabalhador também pode se direcionar até a Superintendência Regional do Trabalho de cada região para realizar a denúncia, como explica a advogada trabalhista Marina Dias. “O trabalhador pode fazer uma denúncia nesses locais, comunicando que houve um pagamento insuficiente, atraso ou o não recebimento do benefício. Então, ele faz essa denúncia, os auditores recebem e fiscalizam a empresa e o motivo do descumprimento, cabendo ainda outras multas”, explica Marina Dias.

Por conta da pandemia da Covid-19, muitos empregados com carteira assinada tiveram os seus contratos suspensos ou uma redução da jornada de trabalho. No caso dos trabalhadores com contratos suspensos, o pagamento do 13º salário é proporcional aos meses em que ele trabalhou por mais de 15 dias e o valor não é recebido integralmente. Para os empregados que tiveram a jornada trabalho w os salários reduzidos, o Ministério da Economia determinou que o benefício deve ser pago de forma integral.

Veja também

Secretários de Fazenda apelam ao Congresso pela prorrogação do auxílio emergencial
Benefício

Secretários de Fazenda apelam ao Congresso pela prorrogação do auxílio emergencial

Lojas e restaurantes de São Paulo dizem que novas restrições levarão a mais demissão
Restrições

Lojas e restaurantes de São Paulo dizem que novas restrições levarão a mais demissão