RIO DE JANEIRO

TCU: ministro pede vista e adia por 30 dias decisão sobre o aeroporto do Galeão

Julgamento é resposta a consulta dos Ministérios de Portos e Aeroportos e dos Transportes

Aeroporto do Galeão, no Rio de JaneiroAeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro - Foto: Tânia Rêgo/ Agência Brasil

O ministro Walton Alencar, do Tribunal de Contas de União (TCU), pediu vista por 30 dias e adiou o julgamento do caso que pode destravar a concessão do Galeão.

O julgamento é uma resposta à consulta dos Ministérios de Portos e Aeroportos e dos Transportes sobre a possibilidade legal de a União aceitar a desistência do processo de relicitação, devolução amigável da concessão para nova licitação e ressarcimento de investimentos realizados.

Além do Galeão, outros concessionários estão sob análise desse caso, como o aeroporto de Viracopos (Campinas-SP), rodovias, portos e ferrovias, além dos setores de setores de energia e telefonia.

Veja também

Meta e Apple discutem parceria em inteligência artificial, diz Wall Street Journal
TECNOLOGIA

Meta e Apple discutem parceria em inteligência artificial, diz Wall Street Journal

Grandes usinas solares igualam capacidade da hidrelétrica de Itaipu
energia limpa

Grandes usinas solares igualam capacidade da hidrelétrica de Itaipu

Newsletter