Toyota convoca recall de veículos Etios e Corolla por falha em peça do airbag

Para saber como agendar a troca, o motorista deve entrar em contato com a rede de concessionárias da Toyota

Eleição do diretório do PSDB do RecifeEleição do diretório do PSDB do Recife - Foto: Divulgação

A montadora Toyota convocou nesta segunda-feira (31) recall de cerca de 300 mil veículos dos modelos Corolla e Etios devido a uma falha em uma peça que integra o sistema de airbag dos carros que pode provocar lesões graves e até fatais em motoristas e passageiros.

Segundo a empresa, os modelos do Corolla que podem apresentar o problema foram produzidos de 9 de janeiro de 2012 a 14 de fevereiro de 2014, enquanto os do Etios foram fabricados entre 7 de maio de 2012 e 29 de setembro de 2014.

O recall abrange 114.539 unidades de modelos Corolla e 91.353 do modelo Etios.
Uma investigação realizada pelo fornecedor da peça, chamada "deflagrador" e que integra o sistema de airbag, verificou a degradação do componente após longos períodos de exposição a altas temperaturas, grandes variações de temperatura e alta umidade.

Com isso, a peça ficaria mais suscetível a se romper inadequadamente em caso de colisão do veículo, provocando a dispersão de fragmentos de metal do deflagrador, juntamente com a bolsa do airbag, causando "lesões físicas graves, ou até mesmo fatais, ao motorista e aos demais ocupantes do veículo".

A montadora vai substituir, a partir de 14 de novembro, o deflagrador do airbag do motorista. Para saber como agendar a troca, o motorista deve entrar em contato com a rede de concessionárias da Toyota. A montadora também disponibiliza os telefones 0800 703 02 06 e 0800 5398 727 (Lexus).

Também foram afetados modelos do Corolla produzidos de 24 de outubro de 2007 a 23 de dezembro de 2009, num total de 97.796 unidades. Neste último caso, a campanha de correção será feita em duas etapas.

A primeira terá início nesta terça-feira (1º) com a desativação da bolsa do airbag dianteiro do passageiro e a fixação de etiqueta adesiva no painel do veículo, por meio da qual o consumidor será alertado sobre a desativação temporária do airbag.

Já a segunda começará em 23 de janeiro de 2017 e consistirá na substituição da peça, reativação da bolsa do airbag dianteiro do passageiro e a remoção da etiqueta de alerta.

Veja também

Governo pretende economizar R$ 97 milhões com licitação centralizada
economia

Governo pretende economizar R$ 97 milhões com licitação centralizada

Vale pagará auxílio a desalojados de Barão de Cocais por mais um ano
Auxílio

Vale pagará auxílio a desalojados de Barão de Cocais por mais um ano