Economia

Usina nuclar é conectada ao sistema elétrico do Brasil

Geração nuclear corresponde a 3% da eletricidade produzida no país e o equivalente a um terço do consumo do estado do Rio de Janeiro

Usinas de Angra 1 e 2Usinas de Angra 1 e 2 - Foto: Sturm/Wikimedia Commons

A usina Angra 2, em Angra dos Reis, Costa Verde fluminense, opera desde a madrugada desta quarta-feira (25) com 100% de potência (1.346MWh), segundo a Eletronuclear, subsidiária da Eletrobras responsável por operar e construir as usinas termonucleares do país.

A unidade foi reconectada ao Sistema Elétrico Nacional (SIN) no fim da noite de terça-feira (24), após o desligamento provocado por uma falha em um dos transformadores principais da Usina. Com isso, houve o desarme dos disjuntores que fazem a conexão da unidade à rede elétrica.

As unidades em operação no local têm potência total de 1990 MW. A geração nuclear corresponde a 3% da eletricidade produzida no país e o equivalente a um terço do consumo do estado do Rio de Janeiro. Segundo a Eletronuclear, a geração de 15,9 milhões de megawatts-hora (MWh), registrada no ano passado pelas usinas nucleares Angra 1 e 2, é considerada a melhor marca da história da CNAAA, em ano com parada de reabastecimento de combustível.

Veja também

Camex torna definitivo corte de 10% de tarifa comum do Mercosul
Mercosul

Camex torna definitivo corte de 10% de tarifa comum

Pró-Leite Pernambuco vai qualificar produtores no Sertão do Araripe
Agronegócio

Pró-Leite Pernambuco vai qualificar produtores no Sertão do Araripe