[Vídeo] Jeep Compass no caminho da direção autônoma

SUV produzido em Goiana é considerado o mais autônomo dos carros feitos no Brasil e já tem o nível 1 de automação da Sociedade de Engenharia Automotiva

Jeep CompassJeep Compass - Foto: Brenda Alcântara / Folha de Pernambuco

O Jeep Compass é considerado o mais autônomo dos carros produzidos no Brasil. É que o SUV, criado na Fábrica da Jeep de Goiana, oferece uma série de sistemas de direção assistida. E isso o tornou o único veículo “made in Brasil” a alcançar o nível 1 de automação da Sociedade de Engenharia Automotiva - o nível da chamada direção assistida, no qual o automóvel é capaz de controlar certas ações do percurso, permitindo que o motorista se concentre apenas nos pedais ou no volante do veículo. E a Folha de Pernambuco testou os recursos de tecnologia que permitem chamar o Compass de carro semi-autonônomo e serão vendidos por um preço mais barato na linha 2019 do SUV. Confira:

Leia também:
[Vídeo] Compass: carro pernambucano ganha o mundo
Fábrica da Jeep terá parada técnica

Frenagem de emergência:

O sistema aciona os freios do Compass em situações de risco de colisão. Se o carro estiver a até 42 km/h, o recurso garante a parada total do veículo. A parada, porém, dura só dois segundos. Por isso, o motorista precisa retomar o controle depois do susto. E se velocidade estiver mais elevada, a tecnologia reduz o impacto da colisão. A frenagem de emergência, porém, não detecta pedestres, só objetos metálicos como automóveis.

Controle de velocidade adaptativo:
O chamado ACC controla a velocidade e a distância que o Compass vai manter do veículo da frente. Basta selecionar, nos botões do volante, a velocidade máxima e o espaço desejado entre um carro e outro para o sistema passar a controlar a aceleração e a frenagem do SUV de acordo com o ritmo do veículo que está a sua frente. O motorista não precisa se preocupar com o acelerador nem com o freio, porque, quando o sistema está ligado, o carro dá partida, aumenta e reduz a velocidade por conta própria. Resta ao condutor apenas guiar a direção. E o recurso ainda oferece economia de até 10% de combustível devido à condução uniforme.



Aviso de mudança de faixa:
Conhecida como Lane Sense, esta tecnologia alerta quando o motorista está prestes a sair da sua faixa de rolamento, ocupando também as faixas laterais. O aviso vem através de um comunicado no computador de bordo e também de um toque na direção, que dá uma leve puxada para o lado que o motorista precisa dirigir para se manter na faixa. Esse toque, porém, não corrige a saída, como já acontece em outros veículos. A Jeep garante, por sua vez, que é suficiente para o condutor retomar a atenção no volante.

Sistema de estacionamento:
Para evitar dor de cabeça na hora da baliza, o Compass oferece um sistema inteligente que, além de encontrar uma vaga, pode colocar ou tirar o carro das vagas de estacionamento, sejam elas paralelas ou perpendiculares. É o Park Assist, recurso que é ativado na central multimídia do SUV e calcula todos os movimentos necessários para o estacionamento. O motorista só precisa, então, acelerar ou frear de acordo com as orientações do sistema.

Monitoramento de ponto cego:
Já pensou que, ao mudar de faixa, uma moto que você não via pelo retrovisor pode surgir ao seu lado causando um acidente? Esse problema pode acontecer devido à falta de visão lateral e perpendicular do motorista, mas não no Compass. É que o carro tem um sistema de monitoramento que alerta para a aproximação de objetos nos chamados “pontos cegos” do condutor. O aviso vem através de sinais sonoros e também de sinais luminosos no retrovisor do carro e ajuda a prevenir colisões tanto na mudança de faixa quanto em manobras de estacionamento.

Farol alto inteligente:
Para garantir que o farol alto do Compass será usado da forma correta, a Jeep também colocou tecnologia no farol do SUV. É o sistema Auto High Beam, que ajusta o farol de acordo com a luminosidade do ambiente. Se estiver muito escuro o farol alto é acionado. Mas, se o sistema detectar a aproximação de outro carro na direção contrária, volta para o farol baixo para não atrapalhar a visão do motorista que vem do lado oposto.

Custo
Essas tecnologias, porém, só estão disponíveis nas versões Limited e Trailhawk do Compass, que vão de R$ 142,5 mil a R$ 171,5 mil na linha 2019 do SUV. E elas são vendidas como um item adicional, pois só o park assist vem de série. A boa notícia é que esse pacote de direção autônoma ficou mais barato em 2019, saindo de R$ 11 mil para R$ 7,5 mil (carros flex) ou R$ 8,5 mil (carros diesel).

Veja também

Fundos públicos gastaram R$ 1,7 mi com candidatos sem adversários
Fundo Eleitoral

Fundos públicos gastaram R$ 1,7 mi com candidatos sem adversários

QuintoAndar, plataforma imobiliária, começa a operar no Recife
Imóveis

QuintoAndar, plataforma imobiliária, começa no Recife