Economia

WhatsApp libera compartilhamento de fotos e vídeos que somem em 24 horas

Nova ferramenta vai funcionar de modo semelhante ao Snapchat, porém ainda não tem data para estar disponível no Brasil

Whatsapp DivulgaçãoWhatsapp Divulgação - Foto: Irving Suna

O WhatsApp anunciou nesta segunda-feira (20) que vai permitir que usuários compartilhem fotos, vídeos e GIFs no campo de status do aplicativo. Até agora, o campo aceitava apenas texto e emojis, além de oferecer mensagens prontas como "disponível", "ocupado" e "na escola".

A nova ferramenta vai funcionar de modo semelhante ao Snapchat: o usuário poderá adicionar uma foto ou vídeo ao seu status, além de desenhar e escrever sobre ela. As imagens ficarão disponíveis para serem vistas durante o período de 24 horas.

Tal como as mensagens, todas as imagens compartilhadas no WhatsApp serão criptografadas, de acordo com comunicado da empresa. Apenas os contatos do usuário no aplicativo poderão vê-las e será possível editar as configurações de privacidade para bloquear alguns contatos de visualizar as imagens.

O recurso foi liberado nesta segunda para usuários da França e da Holanda. Ainda não há data de chegada ao Brasil.

O WhatsApp não é o primeiro aplicativo de Mark Zuckerberg, dono do Facebook, a imitar o Snapchat. No ano passado, o Instagram -que também pertence ao americano- criou a seção Stories, em que usuários também podem compartilhar fotos e vídeos durante 24 horas.

Em 2013, Zuckerbeg ofereceu US$ 3 bilhões pelo Snapchat. A proposta foi recusada. A Snap, empresa dona do app, tornou público no início do mês os documentos do seu pedido para negociar ações na Bolsa de Nova York.

Em 2016, o Snapchat teve prejuízo de US$ 515 milhões.

Veja também

Mundo ganhou 1 milhão de pobres e um bilionário a cada 30 horas na pandemia
Desigualdade

Mundo ganhou 1 milhão de pobres e um bilionário a cada 30 horas na pandemia

O que é Bitcoin Pizza Day? Data, comemorada hoje, marca 1ª compra feita com a moeda
criptomoeda

O que é Bitcoin Pizza Day? Data, comemorada hoje, marca 1ª compra feita com a moeda