Fórum Nordeste 2023

"Sem sustentabilidade não há produção econômica", diz Eduardo de Queiroz Monteiro, no Fórum Nordeste

12ª edição tem como tema central a transição energética e reúne políticos e autoridades do setor

Presidido pelo empresário Eduardo de Queiroz Monteiro, o Grupo EQM promove, nesta segunda-feira (4), o Fórum Nordeste 2023Presidido pelo empresário Eduardo de Queiroz Monteiro, o Grupo EQM promove, nesta segunda-feira (4), o Fórum Nordeste 2023 - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Presidido pelo empresário Eduardo de Queiroz Monteiro, o Grupo EQM promove, nesta segunda-feira (4), o Fórum Nordeste 2023. O evento, realizado no Mirante do Paço, no Bairro do Recife, chega à sua 12ª edição, tem como tema central a transição energética e reúne políticos e autoridades do setor.

"A Folha de Pernambuco e o setor da energia renovável acreditaram nisso. A gente começou de maneira muito pequena e estamos na 12ª edição vendo que aqui a representação máxima: o presidente da Câmara, o ministro José Múcio (Defesa) aqui presente, a governadora  está chegando, o prefeito do Recife. Na verdade virou um evento que se incorporou definitivamente à agenda do setor de agroenergia no mundo e no Brasil especialmente. E nós estamos tirando essa discussão do eixo Centro-Sul e trazendo para o Nordeste. Acho que esse é o grande mérito do Fórum Nordeste", avaliou Eduardo Monteiro.

Discurso do presidente do Grupo EQM, Eduardo de Queiroz Monteiro

 

O presidente do Grupo EQM destacou a importância de debater o tema das energias renováveis com os representantes do setor.

"Todos temos consciência que sem sustentabilidade não há produção econômica. O setor tem um trabalho notável nessa área. Estão aqui todos os representantes do setor dos estados da federação. Será um debate profícuo que vai enriquecer muito o segmento e a agenda econômica no Nordeste", pontuou.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Folha de Pernambuco (@folhape)

 

Palestras
O Fórum Nordeste vai trazer, ao longo do dia, cinco palestras com nomes relevantes da área que vão não só traçar um panorama sobre assuntos como descarbonização e sustentabilidade, mas apontar caminhos para um futuro melhor para o planeta.

Serão abordados temas fundamentais para os setores de biocombustíveis, etanol e energias limpas. A ideia é, também, estender as discussões aos meios necessários para se alcançar, por exemplo, os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) estipulado pela Organização das Nações Unidas (ONU) e também os impactos das mudanças climáticas.

A transição energética, termo que define a mudança nos processos de geração e consumo de energia oriundas de fontes não renováveis, e mais poluentes, para aquelas renováveis é um assunto que vem ganhando cada vez mais importância no mundo inteiro.

Veja também

Folha Energia: Leia a revista digital

Folha Energia: Leia a revista digital