ENEM 2020

Prova de biologia foi uma das mais difíceis da história do Enem

Diretor do SAS afirma que as questões exigiram atenção redobrada do estudante

ENEMENEM - Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Apesar de ser confundida com química em algumas questões, a parte de biologia foi considerada a mais difícil nos últimos anos no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Algumas questões precisaram ser feitas através da eliminação das alternativas para chegar ao resultado.

O professor Ademar Celedônio, diretor de Ensino e Inovações Educacionais do SAS - Plataforma de Educação, afirma que o nível de dificuldade não foi por conta do conteúdo. “A prova de biologia talvez tenha sido a mais difícil da história do ENEM, não no sentido de conteúdo, mas de interpretação. O aluno precisava ir e voltar várias vezes na mesma questão até para ter a ciência da resolução disso”, explicou.

Ele pontua duas questões em destaque da prova: “Em destaque para a questão 104 da prova azul, ela fala do sistema ABO e pela primeira vez caiu no nível de complexidade no ENEM. E  a questão 96 que falava de algumas técnicas apropriadas para combate ao câncer, em que os professores acharam muito difícil devido a própria resolução da questão. A resposta poderia ser feita, inclusive, por eliminação das outras opções do que poderiam não contemplar as questões.”, enfatizou o professor.

Ciências da Natureza

A prova de biologia faz parte da etapa de ciências da natureza. Ela vem junto a 45 questões das disciplinas de química e física. Ademar considerou que elas tiveram uma paridade nas provas, sendo 15 questões para cada uma delas. 

Veja também

Copergás: expansão contínua
Imóveis

Copergás: expansão contínua

Mercado imobiliário traça cenário promissor para 2021
Imóveis

Mercado imobiliário traça cenário promissor para 2021