A Ferrari está vivendo em negação', critica CEO da McLaren sobre pandemia

Na última terça-feira, o chefe de equipe da Ferrari, Mattia Binotto, afirmou ao jornal "The Guardian" que "não é hora de se apressar", respondendo as propostas das demais escuderias

Fórmula 1Fórmula 1 - Foto: Johannes EISELE / AFP

O CEO da McLaren, Zak Brown, disse que a Ferrari está "vivendo em negação", referindo-se à maneira como a escuderia tem rechaçado as propostas de diminuição do teto de gastos da Fórmula 1 mediante a crise do coronavírus. Na última terça-feira, o chefe de equipe da Ferrari, Mattia Binotto, afirmou ao jornal "The Guardian" que "não é hora de se apressar", respondendo as propostas das demais escuderias.

"Acho que todos reconhecemos que nos tempos modernos estamos passando pela maior crise que o mundo passou. Você tem países fechados, indústrias fechadas. Acho que é um erro crítico não ter pressa de resolver o que está acontecendo", afirmou Brown.

"Ele [Mattia] está vivendo em negação. Acho que você verá praticamente todos os presidentes, primeiros-ministros ou CEOs de todo o mundo operando com pressa para enfrentar esse problema de frente. 'Tomar o nosso tempo', acho que é uma estratégia de liderança muito ruim", completou.

Segundo Binotto falou ao "The Guardian", o atual teto de R$ 813 milhões "já é uma solicitação nova e exigente em comparação com o que foi estabelecido em junho passado. Não pode ser alcançado sem sacrifícios significativos adicionais, especialmente em termos de nossos recursos humanos".

Por fim, Brown já havia dito que o esporte corre o risco de perder até quatro de suas dez equipes atuais se a crise não for tratada corretamente. A temporada da Fórmula 1 ainda não começou e não deve continuar até julho, com as corridas europeias a portas fechadas.

Leia também:
Federação do Rio indica Brasileiro e Estadual ao mesmo tempo
Ferrari pode deixar F-1 se orçamento for reduzido, diz chefe de equipe
Chefe da Ferrari diz acreditar que F-1 pode começar a temporada em julho

Veja também

COI diz que Jogos Olímpicos não serão afetados por estado de emergência em Tóquio
Olimpíada

COI diz que Jogos Olímpicos não serão afetados por estado de emergência em Tóquio

Grêmio anuncia oficialmente Tiago Nunes como novo técnico
Futebol

Grêmio anuncia oficialmente Tiago Nunes como novo técnico