A referência gamer por trás da comemoração de Neymar

A comemoração do gol de Neymar contra o México foi uma referência ao gamer Counter-Strike, favorito entre atletas da Seleção

Comemoração dos jogadores brasileiros após o gol contra o México Comemoração dos jogadores brasileiros após o gol contra o México  - Foto: AFP

Poderia ser uma homenagem ao Quico, o personagem chorão de "Chaves", mas a comemoração do primeiro gol do Brasil contra o México nesta segunda (2), marcado por Neymar, faz referência ao Counter-Strike, jogo de videogame favorito da seleção.

O braço cobrindo os olhos é um movimento que os personagens fazem para se protegerem das flash-bangs ou flashes, granadas de luz e som que deixam os oponentes atordoados. Segundo o site Gazeta do Povo, o próprio jogador confirmou a referência. "Era CS, CS", disse ele ao portal quando saia do gramado na arena de Samara, na Copa do Mundo na Rússia.

O game é um fps, sigla em inglês para "first person shooter" (atirador em primeira pessoa, em tradução livre) em que equipes de terroristas e contra terroristas batalham entre si. Lançado em 1999 para computador, o título mais recente, Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) é de 2012.

A página oficial do jogo no Twitter compartilhou o gif dos jogadores comemorando. "Não se esqueça de usar seus flashes", escreveram na legenda, mencionando o jogador.

Neymar não é o único jogador de CS da seleção brasileira. Além dele, Gabriel Jesus, William e Phillipe Coutinho (que participaram da comemoração) participam das partidas online.

Em junho, dias antes de embarcarem para Rússia, os colegas de equipe compartilharam um vídeo no Instagram Stories (ferramenta de compartilhamento de imagens que desaparecem em 24 horas) jogando futebol com os personagens de Counter-Strike.

O camisa dez também acompanhou a final do campeonato de CS:GO, que aconteceu em maio, em um notebook de dentro do avião da seleção brasileira. Fã assumido de e-sports, Neymar tem uma gaming-room (sala de jogos eletrônicos) em sua mansão em Mangaratiba (RJ).

Veja também

Mundial de Handebol: Brasil perde para Hungria por 29 a 23
Handebol

Mundial de Handebol: Brasil perde para Hungria por 29 a 23

Ídolo do Sport, Fumagalli vai ao hotel rubro-negro em São Paulo para apoiar jogadores
Sport

Ídolo do Sport, Fumagalli vai ao hotel rubro-negro em São Paulo para apoiar jogadores