Acompanhando situação de perto, Nei Pandolfo confia no retorno de Didira

Meia não apareceu pela quarta vez consecutiva nas dependências do Tricolor, mas Santa tem expectativa na volta

Didira disse não saber se retornará ao Santa CruzDidira disse não saber se retornará ao Santa Cruz - Foto: Rafael Melo / Santa Cruz

O meia Didira não compareceu ao CT Ninho das Cobras na última segunda-feira, e desde então, teve o retorno adiado. Aguardado pela direção, o recém-contratado não apareceu novamente nesta quinta-feira. A justificativa é que ele está em Alagoas para ficar próximo do parente que se encontra com problemas de saúde. Apesar da preocupação da torcida tricolor, especialmente pelo passado recente ser desfavorável com o cenário – como foi Zé Carlos, que faltou alguns treinos para visitar a avó doente e não voltou mais – o Executivo de futebol Nei Pandolfo demonstra tranquilidade com o andamento do episódio.

Em entrevista à Folha de Pernambuco, Pandolfo enfatizou que o clube está seguindo os acontecimentos e oferecido assistência ao jogador, sendo aguardado o quanto antes. “É um atleta que vem com a gente e tem os compromissos ajustados. Tem um problema familiar, hoje voltou ao hospital com o pai. Nós estamos dando todo o suporte e sustento para que ele resolva o mais rápido possível e que retorne para a gente. Essa é a nossa expectativa.”

Ao jornalista Thiago Omena, da rádio CBN Alagoas, o meia pôs em dúvida o seu retorno ao Recife e, consequentemente, a sua continuidade no Tricolor em virtude da situação. “No momento, não sei (se volta ao Santa Cruz) devido a tudo o que está acontecendo”, resumiu o atleta, oficializado como novo reforço do Santa Cruz em 23 de dezembro. Vale lembrar que Julio Romão, Diogo e Pedro Maycon, outros contratados para 2020, não agradaram ao técnico Itamar Schulle e negociam saída por empréstimo.

Leia também:

Em Alagoas, Didira põe em dúvida retorno ao Santa 

Para viabilizar nova receita, Santa planeja instalar 30 mil cadeiras no Arruda

 

Veja também

Kevyn testa positivo para Covid-19 e desfalca Náutico
Futebol

Kevyn testa positivo para Covid-19 e desfalca Náutico

Casagrande critica omissão da CBF e Bolsonaro: 'Governo da morte, não da vida'
Opinião

Casagrande critica omissão da CBF e Bolsonaro: 'Governo da morte, não da vida'