CASO DANIEL ALVES

"Acreditaram em mim": Como a vítima reagiu à condenação de Daniel Alves por estupro

Ex-jogador Daniel Alves foi condenado a 4 anos e 6 meses por estuprar uma mulher em uma boate

Daniel Alves é julgado em Barcelona por agressão sexual Daniel Alves é julgado em Barcelona por agressão sexual  - Foto: Jordi Borras/AFP

O ex-jogador brasileiro Daniel Alves foi condenado a 4 anos e meio de prisão por estupro. A pena de Daniel Alves por uma acusação de agressão sexual contra uma mulher num banheiro de boate de Barcelona, em dezembro de 2022, foi divulgada nesta quinta-feira.

Logo que saiu a decisão, o procurador David Sáez, que representava a vítima no tribunal, enviou à advogada dela, Ester Garcia López, uma foto da última página da sentença da Justiça espanhola.

De acordo com o portal Uol, Ester abriu a foto e mostrou à vítima, que reagiu repetindo três palavras.

— Acreditaram em mim, acreditaram em mim, acreditaram em mim — disse ela.

Daniel Alves, que está preso desde o dia 20 de janeiro de 2023, pode deixar o presídio antes de completar a sentença. Isso porque, por já ter cumprido um ano e um mês da pena, o ex-jogador brasileiro pode ter liberdade condicional concedida em maio do ano que vem.

Quando Daniel Alves pode deixar prisão?
A lei espanhola permite que Daniel Alves solicite o terceiro grau penitenciário ao Juiz de Vigilância Penitenciária, após o cumprimento obrigatório de dois anos e quatro meses, ou seja, em maio do ano que vem. Se a solicitação for aceita, o brasileiro pode ganhar o direito de voltar para a casa, mas dormir na prisão, ou voltar para sua residência aos finais de semana.

 

Uma das formas possíveis de reduzir a pena na prisão é o bom comportamento ou a redução de um dia preso por cada dois dias trabalhados. Caso Daniel Alves não consiga obter essas medidas, ele poderá ser libertado em janeiro de 2026, após o cumprimento de dois terços da pena. As informações são do jornal Marca, da Espanha.

Qual foi a pena de Daniel Alves?
O ex-jogador da seleção brasileira Daniel Alves foi condenado a 4 anos e 6 meses de prisão por agressão sexual. A sentença foi anunciada pelo tribunal de Barcelona na manhã desta quinta-feira (22) e diz que foi comprovado que o brasileiro agrediu e abusou da mulher no banheiro da boate Sutton, em 2022.

Qual foi a sentença de Daniel Alves?
A juíza Isabel Delgado na 21ª Seção de Audiência de Barcelona também ordenou que Daniel Alves, após cumprir a pena, tenha liberdade supervisionada por cinco anos, fique afastado da mulher por nove anos e pague uma indenização de 150 mil euros (cerca de R$ 804 mil). Ele também deve pagar as custas do processo.

Daniel Alves vai recorrer?
A condenação foi divulgada duas semanas após o término do julgamento. A advogada do jogador, Inés Guardiola, depois da leitura da sentença, nesta quinta-feira, afirmou que Daniel Alves está "inteiro" e avisou que vai recorrer da decisão.

Veja também

Torcida faz festa no Ibirapuera, mas Bia Haddad abre duelo com Alemanha com derrota
Tênis

Torcida faz festa no Ibirapuera, mas Bia Haddad abre duelo com Alemanha com derrota

CBF desmembra tabela e Náutico conhece datas e horários de oito primeiros jogos da Série C; confira
Náutico

CBF desmembra tabela e Náutico conhece datas e horários de oito primeiros jogos da Série C; confira

Newsletter