'Adapto-me às decisões', diz Raikkonen sobre saída da Ferrari

Enquanto Raikkonen irá para a Sauber, o jovem Charles Leclerc será seu substituto na escuderia italiana

Kimi Raikkonen trocará a Ferrari pela Sauber em 2019Kimi Raikkonen trocará a Ferrari pela Sauber em 2019 - Foto: Toshifumi KITAMURA/AFP

Kimi Raikkonen não escondeu que a decisão de deixar a Ferrari na próxima temporada não foi sua. Em entrevista coletiva, o piloto disse ter sido informado da mudança antes do GP de Monza e que não havia planejado correr pela Sauber em 2019 - ele foi anunciado como novo contratado da escuderia.

"Não foi minha decisão, eu me adapto às decisões dos demais e esse foi o resultado", afirmou Raikkonen.

Questionado se queria mesmo correr pela Sauber na próxima temporada, Raikkonen foi sarcástico: "Não, estou aqui para brincar com vocês e vou passar dois anos (tempo de contrato com a Sauber) infeliz por vocês".

O anúncio da troca foi feito na última terça-feira (11). Raikkonen será substituído na Ferrari pelo jovem Charles Leclerc. De volta à Sauber, onde começou a carreira, o finlandês afirmou ser grande a chance de se aposentar na escuderia.

"Foi uma coincidência, não fiz planos para isso. Há uma grande chance de eu encerrar minha carreira na Sauber, mas não me interessam os recordes de longevidade", completou.

Leia também:
Ferrari anuncia Leclerc para vaga de Raikkonen, em 2019
Hamilton diz que F-1 vai sentir falta de Raikkonen
Após vencer em Monza, Hamilton quer disparar de vez na F1

Veja também

Kevyn testa positivo para Covid-19 e desfalca Náutico
Futebol

Kevyn testa positivo para Covid-19 e desfalca Náutico

Casagrande critica omissão da CBF e Bolsonaro: 'Governo da morte, não da vida'
Opinião

Casagrande critica omissão da CBF e Bolsonaro: 'Governo da morte, não da vida'