A-A+

Após abalo e vontade de sair, Augusto dá a volta por cima

Atacante superou drama familiar e se recuperou no Santa Cruz após receber fortes críticas da torcida. Ele agora se cobra por fazer gols

Atacante teve atuação elogiada na vitória sobre o FluminenseAtacante teve atuação elogiada na vitória sobre o Fluminense - Foto: Daniel Lima/Folha de Pernambuco

No Santa Cruz desde a Série B de 2017, o atacante Augusto concedeu uma das suas entrevistas coletivas mais sinceras. Logo de cara, ele revelou que, um dia antes de viajar para enfrentar o Ceará, no estádio Castelão, pela fase de grupos da Copa do Nordeste, recebeu a notícia que sua mãe teve um problema de saúde. Apesar do drama familiar, o atleta permaneceu concentrado com a delegação na capital cearense e até voltou a ser titular, justamente no jogo contra o clube alvinegro.

Leia também:
Torcida dá show e Santa bate seu recorde de público no ano
Leston Jr. exalta tricolores: 'esses caras foram gigantes'
Leston pede para Tininho manter promoção de ingressos
Santa Cruz faz 2x0 no Fluminense, mas cai nos pênaltis

“Na minha vida, eu sempre cresci nas dificuldades. Foram momentos difíceis. Vinha sendo muito criticado, mas estava procurando evoluir. Vou contar aqui uma coisa que aconteceu este ano, mas ninguém soube porque guardei pra mim. Não quis falar nada naquele momento. Um dia antes da viagem para o Ceará, minha mãe passou mal e foi para o hospital. Descobriram que ela tinha um tumor no ovário. Tudo indicava que estava com um câncer. Viajei para o jogo e tirei desse episódio uma lição para que eu pudesse lutar pela minha família. Fiquei abatido. Mas depois de 15 a 20 dias, descobriram que não era câncer. Foi uma tuberculose. Ele já está melhor. Depois desse baque, levei isso como um incentivo. Foi um fator importante para eu dar a volta por cima”, desabafou.

Augusto também confessou que, ao receber a proposta do Botafogo/SP, quis sair do Santa por conta das fortes críticas. Por conta da negociação, o atacante foi retirado da concentração horas antes da partida contra o Vitória das Tabocas, na Arena de Pernambuco, no dia 26 de fevereiro. Inclusive, o técnico Leston Júnior disse que a decisão de afastá-lo da delegação foi do clube. A ideia era preservar o atleta. Além disso, o executivo de futebol Luciano Sorriso confirmou que havia a possibilidade de o jogador estar deixando o Arruda. Dois dias depois, quando o negócio não avançou, ele foi reintegrado ao elenco.

“Quando recebi a proposta, estava passando por um momento muito difícil aqui, com atuações irregulares. Sentei com o meu empresário e nós decidimos que o melhor seria sair até para tentar mudar de ares e elevar minha autoestima. Mas não aconteceu. Porém, as se reverteram muito rápido aqui”, disse.

Titular há sete jogos seguidos, Augusto melhorou o seu rendimento no Santa Cruz. Vale lembrar que o jogador foi blindado pelo técnico Leston Júnior e passou por um período de trabalhos especiais de prevenção de lesões. Durante esse tempo de atividades à parte, ele apareceu no banco de reservas, mas ficou sem espaço.

“Assim que Leston chegou aqui, nós conversamos. Ele falou sobre meus pontos fortes e disse o que era preciso melhorar. Isso me ajudou, mas, mesmo assim, não consegui render. Aí a gente conversou novamente e ele disse que era o momento de eu sair de cena. Retornei um tempo depois e deu certo”, destacou.

Para ele, o seu momento é melhor desde que chegou ao Arruda. Além disso, o atacante tinha dito que poderia voltar a ter um futebol igual ao que mostrou no Campinense, onde mais se destacou na carreira. Na sua visão, as atuações já são até melhores, mas afirmou que falta fazer gols.

“Sem dúvidas, estou bem nessa sequência de jogos. Me sinto mais confiante. Já tinha falado aqui que fiz um trabalho específico de fortalecimento muscular e agora não estou sentindo mais dores. Esses fatores têm influenciado na melhora do meu desempenho. Estão faltando gols, mas acredito que estou tendo atuações melhores. Tenho que manter isso até o fim do ano”, analisou. Nesta temporada, Augusto, de 28 anos, marcou dois gols em 14 jogos.

Veja também

Veja os possíveis adversários do Santa Cruz na primeira fase da Série D 2022
Futebol

Veja os possíveis adversários do Santa Cruz na primeira fase da Série D 2022

Mesmo com chegadas de reforços, Sport segue atento ao mercado
Sport

Mesmo com chegadas de reforços, Sport segue atento ao mercado