Sport

Após cobrança de falta desastrosa, Thiago Neves pede desculpas à torcida do Sport

Meia explica que pretensão era iniciar jogada ensaiada com defensor rubro-negro, na tentativa de abrir o marcador na Ilha do Retiro

Thiago Neves, meia do SportThiago Neves, meia do Sport - Foto: Anderson Stevens/ Sport Club do Recife

Após perder o segundo jogo seguido em casa, o Sport terá menos de uma semana para reconfigurar as estratégias e tentar reencontrar o caminho das vitórias depois de conseguir apenas um ponto em três rodadas. Alinhamento que não cabe exclusivamente à comissão técnica, como, também, aos próprios atletas, diante de mais uma fraca atuação, cadenciada pelo excesso de erros e concretizada com a derrota por 1x0 para o Atlético/GO, nessa segunda, na Ilha do Retiro. 

Quem publicamente indicou ter dado início ao processo de reflexão foi Thiago Neves. Perto da etapa complementar do primeiro tempo, em cobrança de falta na área, o meio-campista foi o autor da assistência para Adryelson, que quase abriu o placar o Leão. Contudo, a desenvoltura do meia na bola parada não se repetiu aos 15 minutos do segundo tempo. Neves tentou engatar uma jogada ensaiada com Maidana, muito bem marcado no momento, e errou no passe. A jogada desastrada deu origem ao contra-ataque do Dragão, que não desperdiçou a oportunidade e anotou o único tento da partida com Janderson. 
 

Pelo lance, Thiago Neves foi ao Twitter na manhã desta terça-feira (24) para se desculpar com a torcida rubro-negra e disse ter tirado sua lição a partir do erro técnico cometido. “Primeiro queria pedir desculpas para todos os nossos torcedores do Sport pela decisão que tomei na bola parada que resultou em gol. A falta era dois lances e eu tentei um passe rasteiro para o Maidana”, iniciou.

 

“Isso só pra deixar claro que não quis bater a falta direto como estão falando. Quando eu decidi vir para cá, vim por vontade própria e sabia que não seria fácil. Erros acontecem e pode ter certeza que aprendi com esse erro fatal de ontem. Seguimos porque a luta continua”, emendou o jogador, que soma 11 jogos com a camisa rubro-negra e tem dois gols marcados. 
 

A um ponto do Z4, ocupando a 15ª colocação com 25 pontos, a amostra de que coletivamente o time aprendeu mais essa lição será tirada no próximo sábado (28), às 17h, quando o Leão encara um duro desafio fora de casa contra o Santos. Em seguida, o time comandado por Jair Ventura terá outra pedreira fora de casa, o São Paulo, que ocupa a terceira posição da Série A, com 37 pontos. 

 

 

 

Veja também

Pior visitante da Série A, Sport pode ter Ilha como trunfo na luta contra a queda
Sport

Pior visitante da Série A, Sport pode ter Ilha como trunfo na luta contra a queda

COI não pedirá prioridade para vacinação de atletas
Olimpíadas

COI não pedirá prioridade para vacinação de atletas