Esportes

Após eliminar Nadal, Fognini é campeão em Monte Carlo

Fabio Fognini venceu o sérvio Dusan Lajovic, neste domingo (21), por 6/3 e 6/4, e faturou primeiro Masters 1000

Italiano Fabio Fognini posa com troféu de Monte CarloItaliano Fabio Fognini posa com troféu de Monte Carlo - Foto: Yann Coatsaliou/AFP

O italiano Fabio Fognini, 18º tenista do ranking mundial e algoz de Rafael Nadal nas semifinais, se sagrou campeão do Masters 1000 de Monte Carlo, em Mônaco, neste domingo (21), após vencer na final o sérvio Dusan Lajovic (48º) em dois sets, 6/3 e 6/4.

Fognini, de 31 anos, sucede assim Nadal, campeão do torneio nas últimas três edições e que aspirava neste ano conquistar um 12º título no Principado, um objetivo frustrado pelo italiano nascido em San Remo, muito perto de Monte Carlo. Para Fognini, este é o nono título da carreira e o mais importante, seu primeiro da categoria Masters 1000.

Fognini é o primeiro italiano a se sagrar campeão no saibro de Monte Carlo desde 1968 - antes do início da 'era Open'-, quando o vencedor foi Nicola Pietrangeli, que estava nas arquibancadas neste domingo para apoiar seu compatriota.

A inesperada final deste ano em Monte Carlo ficou marcada pelo vento, que dificultou o jogo, embora Fognini tenha se mostrado mais preciso durante toda a partida, apostando em um amplo repertório de golpes.

"Parabéns, Fabio. Espero ter a oportunidade de jogar novamente uma final contra você", parabenizou durante a cerimônia de premiação Lajovic, que disputou pela primeira vez a final de um Masters 1000. O sérvio de 28 anos se tornou, no sábado (20), o tenista de pior colocação no ranking (48º) a disputar a final de Monte Carlo desde 2001, quando o marroquino Hicham Arazi, na época 53º do mundo, foi derrotado pelo brasileiro Gustavo Kuerten.

Veja também

Pogba, da Juventus, é suspenso por quatro anos por doping na Itália
Suspensão

Pogba, da Juventus, é suspenso por quatro anos por doping na Itália

Ricciardo surpreende e lidera 1º treino livre da Fórmula 1 em 2024
Fórmula 1

Ricciardo surpreende e lidera 1º treino livre da Fórmula 1 em 2024