Santa Cruz

Arruda volta a ser leiloado por dívida trabalhista

De acordo com nota divulgada pela Gracie Leilões, casa coral está avaliada em R$ 220 milhões

Estádio do ArrudaEstádio do Arruda - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

O estádio do Arruda voltou a ser colocado em leilão nesta semana. Em crise financeira, o Santa segue sofrendo com processos trabalhistas e, mais uma vez, tentará suspender a ação que corre no Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT). 

Segundo nota divulgada pela Gracie Leilões, o terreno do José do Rego Maciel está avaliado em R$ 220 milhões, e se dá para "pagamenos de dívidas trabalhistas do clube."

Em contato com a reportagem da Folha de Pernambuco, o diretor jurídico coral, Lucas Valença, afirmou que o motivo do leilão é uma dívida com o ex-jogador do Santa, Wendel Macedo, que passou pelo clube em 2007. O valor do débito ultrapassa a casa de R$ 1 milhão.  

"O valor é de aproximadamente R$ 1,3 milhão. Ainda estamos trabalhando em medidas judiciais cabíveis, além da possibilidade de eventual composição", detalhou Valença. Ainda segundo o jurídico, o Santa pode recorrer da decisão do TRT. "Estamos discutindo internamente qual a melhor estratégia."

No ano passado, mais precisamente no mês de agosto, o Arruda também foi a leilão. Na época, porém, o clube conseguiu resolver a situação da dívida da época com o ex-atleta Marcelo Magalhães. Em acordo com a Procuradoria Geral da Fazendo Nacional, o Tricolor parcelou um débito de R$ 400 mil com o ex-jogador.

Veja também

Visando estreia do Pernambucano, Náutico fornecerá testagem gratuita para Covid-19 nos AflitosFUTEBOL

Visando estreia do Pernambucano, Náutico fornecerá testagem gratuita para Covid-19 nos Aflitos

Confira a tabela completa do Pernambucano 2022Campeonato Pernambucano

Confira a tabela completa do Pernambucano 2022, que começa neste fim de semana