Esportes

Atlético de Madri tenta encaminhar vaga nas quartas da Champions

Clube encara o o Bayer Leverkuse nesta terça-feira, pelo jogo de ida das oitavas de final da competição

O Atlético de Madri enfrenta nesta terça-feira o Bayer Leverkusen, na ida das oitavas de final da Liga dos Campeões, buscando um resultado que permita encaminhar a classificação, diante de um adversário que já enfrentou há dois anos nesta mesma fase.

Os atleticanos eliminaram os alemães nas oitavas da Champions em 2014-15, um confronto em que começaram perdendo em Leverkusen (1-0), antes de devolver o placar na volta e levar a vaga nas quartas nos pênaltis (3-2).

Eliminados da Copa do Rei e afastados da briga pelo título do Campeonato Espanhol, os comandados de Diego Simeone colocaram a Liga dos Campeões como grande objetivo da temporada, após a decepcionante derrota na final da competição no ano passado, diante do arquirrival Real Madrid.

O Atlético de Madri chega ao duelo vivendo boa fase, após golear por 4 a 1 o Sporting Gijón e fazer uma impecável fase de grupos, na qual terminou na primeira colocação, à frente do gigante alemão Bayern de Munique.

Simeone terá de volta o goleiro titular Jan Oblak, dois meses depois do esloveno sofrer uma luxação no ombro esquerdo. Sua falta de ritmo de jogo, porém, poderá fazer com que o técnico opte por escalar novamente Miguel Angel Moyá.

O técnico argentino, porém, não poderá contar com os lesionados Juanfran, Diego Godín, Augusto Fernández e Tiago Mendes.

Conexão francesa no ataque

O desfalque do zagueiro Godín levou Simeone a convocar o jovem francês das categorias de base Lucas Hernández, que na terça-feira será julgado por violência doméstica e viajará no mesmo dia em jato particular até a Alemanha para entrar em campo.

No ataque, Simeone certamente colocará em campo a dupla francesa Antoine Griezmann e Kevin Gameiro, depois deste último marcar três gols em cinco minutos no sábado, na partida contra o Sporting.

O Atlético tentará impor sua superioridade técnica sobre um Bayer Leverkusen que não vive bom momento na Bundesliga, na qual é sétimo colocado, a sete pontos da zona de classificação à próxima Champions. No último jogo, porém, os alemães venceram por 3 a 1 o Augsburg, com dois gols do mexicano Chicharito Hernández.

O atacante mexicano deverá ter como companheiros de ataque Kai Havertz, com Karim Bellerabi e Julian Brandt pelas pontas.

"Teremos que jogar muito bem"

A equipe alemã não terá à disposição o suspenso turco Hakan Çalhanoglu, autor do gol do Bayer Leverkusen no confronto com o Atlético de Madri, há dois anos.

O Bayer Leverkusen nunca chegou às oitavas de final da Champions no atual formato da competição e já parece distante o ano de 2002, quando o clube perdeu na final para o Real Madrid de Zinedine Zidane.

"O Atlético tem um elenco similar ao de dois anos atrás. Adicionaram um pouco mais de ritmo e qualidade ao ataque desde então. Tem um elenco excepcional e teremos que jogar muito bem para vencer", alertou nesta segunda-feira o técnico da equipe alemã, Roger Schmidt, em coletiva de imprensa.

Equipes prováveis:

Bayer Leverkusen: Leno - Henrichs, Toprak, Dragovic, Wendell - Bender, Kampl - Bellarabi, Brandt - Havertz, Hernandez. Técnico: Roger Schmidt.

Atlético de Madri: Moyá (ou Oblak) - Vsalijko, Savic, Savic (ou Lucas Hernández), Filipe Luis - Saúl, Koke, Gabi, Carrasco - Gameiro, Griezmann. Técnico: Diego Simeone (ARG).

Veja também

Náutico busca anulação do cartão vermelho de Lucas Perri
Náutico

Náutico busca anulação do cartão vermelho de Lucas Perri

As grandes ausências da edição 2022 de Wimbledon; Medvedev, Zverev e Sabalenka estão fora
Tênis

As grandes ausências da edição 2022 de Wimbledon; Medvedev, Zverev e Sabalenka estão fora