Atlético Nacional supera europeus e lidera ranking; Atlético-MG é 13º

A equipe colombiana pulou do 62º lugar para o primeiro por causa das boas atuações nas competições disputadas em 2016

Atlético Nacional perdeu para o Kashima Antlers no MundialAtlético Nacional perdeu para o Kashima Antlers no Mundial - Foto: Toshifumi Kitamura/AFP

Após muitos anos, a Europa ficou fora da liderança do ranking da IFFHS (Federação Internacional de História e Estatística do Futebol). O Atlético Nacional, da Colômbia, é o melhor time de 2016. Em 13º, o Atlético-MG é o melhor brasileiro.

A equipe colombiana pulou do 62º lugar para o primeiro por causa das boas atuações nas competições disputadas: Mundial de Clubes, Copa Libertadores, Copa Sul-americana, Campeonato Colombiano e Supercopa da Colômbia. É a primeira vez que um clube que não pertence à Europa chega à melhor classificação desta lista.

O Brasil aparece primeiro no 13º posto com o Atlético-MG. Em seguida vem Grêmio (34º), São Paulo (36º), Corinthians (44º), Palmeiras (45º), Chapecoense (94º), Flamengo (94º), Santos (132º), Coritiba (159º), Cruzeiro (168º), Internacional (201º), Atlético-PR (214º), Botafogo (221º), Ponte Preta (231º), Vitória (251º), Santa Cruz (263º), Fluminense (280º), Sport (280º) e Figueirense (303º).

Nos últimos anos, a supremacia era da Europa. Os primeiros lugares ficaram com Barcelona (2011, 2012 e 2015), Bayern (2013) e Real Madrid (2014).

Confira o Top 10 da IFFHS:
1. Atlético Nacional (Colômbia)
2. Real Madrid (Espanha)
3. Barcelona (Espanha)
4. Paris Saint-Germain (França)
5. Shakhtar Donetsk (Ucrânia)
6. Bayern de Munique (Alemanha)
7. Borussia Dortmund (Alemanha)
8. Sevilla (Espanha)
9. Atlético de Madri (Espanha)
10. Juventus (Itália)

Veja também

“Não dá tempo para lamentar, não pode abaixar a cabeça”, diz Jair Ventura após derrota do Sport
Sport

“Não dá tempo para lamentar, não pode abaixar a cabeça”, diz Jair Ventura após derrota do Sport

Após nova intervenção decisiva do VAR, Sport perde no Rio para o Fluminense por 1 a 0
Sport

Após nova intervenção decisiva do VAR, Sport perde no Rio para o Fluminense por 1 a 0