Barcelona empresta Philippe Coutinho ao Bayern por um ano

Na Espanha, Coutinho fez 76 jogos, marcou 21 gols e não era titular absoluto do técnico Ernesto Valverde

Depois de não emplacar na Espanha, Coutinho vai tentar a sorte na AlemanhaDepois de não emplacar na Espanha, Coutinho vai tentar a sorte na Alemanha - Foto: JOSEP LAGO / AFP

Phillipe Coutinho será o novo reforço do Bayern de Munique, da Alemanha. Na noite desta sexta-feira (16), o clube anunciou o empréstimo do jogador, que estava no Barcelona (ESP), por um ano e com opção de compra ao término do período.

"Coutinho é esperado nos próximos dias em Munique para esclarecer os detalhes finais e completar o exame médico", diz a nota oficial no site da equipe alemã.

O clube também agradeceu ao Barcelona: "Claro, alguns detalhes ainda estão faltando, mas estamos muito felizes por trazer esse jogador para o Bayern", disse o diretor de futebol Hasan Salihamidzic ao site.

Leia também:
Barcelona e PSG discutem troca entre Neymar e Coutinho
Coutinho, Neymar e Bale buscam novos clubes para jogar
Bayern mostra interesse e sonda o Barça por Coutinho


O brasileiro chegou ao Barcelona em janeiro de 2018, vindo do Liverpool (ING) como a segunda contratação mais cara da história -160 milhões de euros, R$ 621 milhões à época. Ficou atrás apenas da ida de Neymar do clube catalão para o Paris Saint-Germain, meses antes.

Na Espanha, Coutinho fez 76 jogos, marcou 21 gols e não era titular absoluto do técnico Ernesto Valverde.

Também nesta sexta, o Barcelona fez sua estreia no Campeonato Espanhol perdendo por 1x0 para o Athletic Bilbao. O brasileiro não ficou nem no banco.

Na Copa América, o meia fez seis jogos e balançou a rede duas vezes no título da seleção brasileira.

Veja também

Para conter Covid, governo francês diminui público em Roland Garros
Tênis

Para conter Covid, governo francês diminui público em Roland Garros

Flamengo perde prazo, e Conmebol recusa novas inscrições após surto de Covid
Futebol

Flamengo perde prazo, e Conmebol recusa novas inscrições após surto de Covid