tênis

Bia Haddad é eliminada na semi em Eastbourne por Kvitova e perde invencibilidade de 13 jogos

Ela teve sua sequência de 13 vitórias consecutivas quebrada depois dos títulos conquistados em Nottingham e Birmingham nas últimas duas semanas

A tenista Beatriz Haddad MaiaA tenista Beatriz Haddad Maia - Foto: Reprodução/ Twitter CBT

A tenista brasileira Beatriz Haddad Maia foi eliminada nesta sexta-feira (24) nas semifinais do WTA de Eastbourne ao ser derrotada pela tcheca Petra Kvitova por 7-6 (7/5) e 6-4. Ela teve sua sequência de 13 vitórias consecutivas quebrada depois dos títulos conquistados em Nottingham e Birmingham nas últimas duas semanas, também disputados em quadras de grama.

"Foi uma partida difícil, com certeza. Tive sorte que meu saque me ajudou muito, não como aconteceu em Birmingham", em que a brasileira a venceu na primeira fase, reconheceu Kvitova após a partida. 

Esta será a segunda final em Eastbourne da carreira de Kvitova, 11 anos depois de perder em três sets para a francesa Marion Bartoli. Kvitova vai enfrentar na final Jelena Ostapenko, que defenderá seu título depois de vencer a italiana Camila Giorgi também nesta sexta-feira.

"Até agora esta foi uma ótima semana para mim, tenho a sensação de jogar melhor a cada jogo", comemorou a letã após sua confortável vitória por 6-2 e 6-2. Ostapenko, que não perde um set desde o início do torneio, não deu chances a Giorgi (26ª), que sofreu quatro quebras de saque sem conseguir uma única a seu favor na partida.
 

No masculino, dois americanos, Taylor Fritz, que foi campeão em 2019, e Maxime Cressy, que fará sua primeira final no circuito ATP, disputarão o título. 

Cressy se classificou ao derrotar o britânico Jack Draper, 7-6 (7-5), 6-7 (7-2) e 6-3 enquanto Fritz venceu o australiano Alex de Minaur por 6-1, 6-7 (5/7) e 6-3.

Torneio de Eastbourne

- Simples feminino (semifinais):

Petra Kvitova (CZE/N.14) x Beatriz Haddad Maia (BRA/N.15) 7-6 (7/5), 6-4

Jelena Ostapenko (LAT/N.8) x Camila Giorgi (ITA/N.12) 6-2, 6-2

- Simples masculino (semifinais):

Maxime Cressy (EUA) x Jack Draper (GBR) 7-6 (7/5), 6-7 (2/7), 6-3

Taylor Fritz (EUA/N.3) x Alex De Miñaur (AUS/N.6) 6-1, 6-7 (5/7), 6-3

Veja também

Flamengo volta a vencer Corinthians e garante vaga na semifinal da Libertadores
Libertadores

Flamengo volta a vencer Corinthians e garante vaga na semifinal da Libertadores

Claudinei lamenta "resultado inimaginável", e diz que Sport mostrou evolução contra Ituano
Sport

Claudinei lamenta "resultado inimaginável", e diz que Sport mostrou evolução contra Ituano