Bola parada é diferencial de Cal na briga pela titularidade

Jogador briga por uma posição no time titular com Maylson

Cal foi titular contra o Uniclinic/CE, pela Copa do NordesteCal foi titular contra o Uniclinic/CE, pela Copa do Nordeste - Foto: Flávio Japa

Na vitória por 3x0 do Náutico diante do Ipojuca, no primeiro jogo-treino realizado pelo clube em 2017, o meia Cal acabou sendo um dos destaques após marcar um belo gol de falta. Um artifício que, inclusive, o atleta da base espera ser o diferencial na briga por um espaço na equipe titular. Isso porque o meia Maylson não teve lesão diagnosticada e deve voltar aos trabalhos nesta sexta (27). Uma notícia que poderia abalar Cal. Mas com uma seriedade atípica para pratas da casa, o jogador contou qual seu diferencial para levar a melhor na disputa.

“Acho que eu e Maylson temos características parecidas. Eu me considero inteligente, com qualidade no passe e acho que o que tenho a mais que ele é a bola parada. Mas Maylson é mais maduro”, frisou. “Já disse que eu não tenho medo da concorrência. Estava trabalhando, surgiu a oportunidade e joguei bem. Independente se Dado me colocar de frente ou não, estarei tranquilo”, apontou.

O Clássico das Emoções do domingo (29), contra o Santa Cruz, na Arena de Pernambuco, será o primeiro de seis que acontecerão nesta temporada – contabilizando jogos pela Copa do Nordeste e pela Série B do Campeonato Brasileiro. Uma “overdose” de confrontos que vai servir para os adversários se conhecerem ainda mais.

“É uma coisa atípica acontecer tantos clássicos. Mas temos que jogar com maturidade. Com o tempo, nós vamos saber os pontos positivos e negativos do time deles”, citou. “Conheço alguns atletas da base, além de Júlio César, Elicarlos e David. Hoje em dia tem muita informação sobre os times. Foi nosso dever de casa assistir ao jogo deles (contra o Campinense). Mas é bom um clássico cedo para movimentar a cidade”, finalizou.

Veja também

No Paraná, jogadores são afastados após suspeita de fraude em teste de Covid
Futebol

No Paraná, jogadores são afastados após suspeita de fraude em teste de Covid

Presidente da UEFA diz que semifinais da Liga dos Campeões não estão ameaçadas
Futebol Internacional

Presidente da UEFA diz que semifinais da Liga dos Campeões não estão ameaçadas