A-A+

Brasil bate a Bélgica na Liga das Nações

Essa foi a sétima vitória consecutiva das brasileiras, que já estão classificadas para a Fase Final do torneio

Seleção brasileira de vôlei feminino bate a Bélgica pela Liga das NaçõesSeleção brasileira de vôlei feminino bate a Bélgica pela Liga das Nações - Foto: Divulgação/FIVB

Mais ligada do que nunca. Assim entrou em quadra a seleção brasileira feminina de vôlei, contra a Bélgica, nesta quarta-feira (19), em Ancara, na Turquia, pela quinta semana da Fase Classificatória da Liga das Nações. As brasileiras bateram as belgas por 3 sets a 0, com parciais de 25/23, 25/15 e 25/18, e voltam à quadra nesta quinta-feira (20), às 14h, contra a Turquia.

As maiores pontuadoras da seleção foram a oposta Paula Borgo, com 14 acertos, e a ponteira Gabi, com 13. Pelo lado adversário, Celine Van Gestel e Kaja Grobelna foram os destaques, com 11 pontos cada. A rodada desta quarta definiu as seleções classificadas para a Fase Final da Liga: China, Brasil, Turquia, Itália, EUA e Polônia.

Embalado após a vitória por 3 sets a 0 contra a Itália, na terça (18), o Brasil assumiu a liderança provisória da Fase Classificatória, com 34 pontos. Durante os três sets, a Bélgica pressionou e chegou a ficar à frente das brasileiras em alguns momentos. Entre vários rallys, os dois times disputaram ponto a ponto o primeiro set, mas a performance apresentada pelas europeias não foi suficiente para barrar a eficiência ofensiva brasileira. 

Leia também:
Brasil vence Itália e avança em terceiro às oitavas da Copa

O segundo set foi mais tranquilo. Depois do sufoco sofrido pelo Brasil no início da partida, a equipe comandada pelo técnico José Roberto Guimarães conseguiu aumentar a vantagem, chegando a abrir 10 pontos de diferença. Mesmo eliminadas da competição, por ter perdido dois sets, quando precisava de uma vitória por 3x0 ou 3x1 para seguirem vivas, as belgas tentaram uma reação no terceiro e último set. No entanto, mais uma vez o Brasil foi mais efetivo e fechou o set por 25/18, depois de um erro das adversárias, que invadiram a quadra brasileira. Essa foi a sétima vitória consecutiva da equipe nacional. 

Veja também

Regularizado, Jailson pode estrear pelo Náutico
Futebol

Regularizado, Jailson pode estrear pelo Náutico

Náutico x CRB poderá ter 2,5 mil pessoas nos Aflitos
Futebol

Náutico x CRB poderá ter 2,5 mil pessoas nos Aflitos