Brasil x Bolívia, na Arena PE, pode ser disputado dia 4 de setembro, diz Conmebol

Partida seria disputada em março, mas foi suspensa por conta da pandemia do novo coronavírus

Tite e Juninho Paulista em visita à Arena, palco onde o Brasil jogaria no dia 27 com a BolíviaTite e Juninho Paulista em visita à Arena, palco onde o Brasil jogaria no dia 27 com a Bolívia - Foto: Divulgação/CBF

Em reunião realizada por videoconferência com o conselho e os presidentes das confederações nacionais, a Conmebol decidiu que irá manter o formato das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, no Qatar. E, de acordo com a nota publicada pela entidade, o início da competição pode acontecer no dia 4 de setembro. Com isso, essa pode ser a data da estreia do Brasil na competição, contra a Bolívia, na Arena de Pernambuco - antes, o jogo estava programado para o dia 27 de março, mas foi suspenso por conta da pandemia do novo coronavírus.

A disputa pelas vagas no próximo Mundial continuarão com os confrontos de todos contra todos, em partidas de ida e volta. A outra decisão anunciada pela Conmebol foi o compromisso de encerrar a Copa Libertadores e a Copa Sul-Americana dentro de campo, ou seja, dando continuidade aos torneios do ponto em que pararam até as respectivas finais.

A Copa América será disputada em junho e julho de 2021. Apesar da intenção de começar as eliminatórias para o Mundial em setembro, o presidente Alejandro Domínguez evitou falar em uma data para a retomada das competições que já estavam em curso. O retorno dos torneios dependerá da evolução do combate ao coronavírus nos dez países que formam parte da Conmebol. "A prioridade continua sendo preservar a saúde da grande família do futebol sul-americano e, portanto, devido às atuais recomendações das autoridades sanitárias internacionais e de cada um dos países das Associações Membro, não há data para a retomada das competições continentais de clubes", disse a Conmebol, em nota.

Veja a nota oficial publicada pela Conmebol após a reunião:


"A CONMEBOL celebrou hoje uma reunião por videoconferência com os membros do Conselho e presidentes das distintas Associações Membro, com o objetivo de analisar e realizar seguimento do impacto que a Covid-19 está gerando no desenvolvimento do futebol continental.

Todos os participantes da reunião concordaram que até o dia de hoje a prioridade continua sendo preservar a saúde da grande família do futebol sul-americano e, portanto, dadas as recomendações atuais de organizações internacionais no campo da saúde pública, bem como as indicações de autoridades sanitárias de cada um dos países das Associações Membro, ainda não foi definida uma data para a retomada da CONMEBOL Sul-Americana e da CONMEBOL Libertadores 2020. Na reunião também foi destacada a determinação da Confederação de finalizar esta edição 2020 de ambos os torneios.

Quanto às Eliminatórias FIFA para o Mundial Catar 2022, é uma competição da FIFA e, portanto, cabe a mais alta entidade do futebol mundial estabelecer a data de celebração dessa competição classificatória. Até o momento, a data fixada por este organismo para sua celebração é de 4 a 8 de setembro de 2020, no formato previamente estabelecido.

Os membros do Conselho, juntamente com o Presidente Alejandro Domínguez, confirmaram novamente a celebração da próxima edição da CONMEBOL Copa América em junho e julho de 2021, conforme anunciado pela Confederação nas últimas semanas."


Leia também:
Conmebol pede à Fifa fundo global de ajuda contra crise do coronavírus
Conmebol anuncia adiantamento de verba para reduzir impacto da Covid-19

Veja também

Satisfeito, Hélio dos Anjos afirma que 'busca por competitividade' provocou mudanças
Náutico

Satisfeito, Hélio dos Anjos afirma que 'busca por competitividade' provocou mudanças

São Paulo tem gol anulado 2 vezes, empata com Ceará e perde chance de ser líder
Futebol

São Paulo tem gol anulado 2 vezes, empata com Ceará e perde chance de ser líder