CBF assina convênio para apoiar futebol em Cuba

Será feito um plano de trabalho para que o futebol cubano cresça em áreas de capacitação e arbitragem

Confederação Brasileira de FutebolConfederação Brasileira de Futebol - Foto: Reprodução/Pixabay

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) assinou nesta quinta-feira em Havana um convênio com a Associação de Futebol de Cuba para apoiar o desenvolvimento do futebol no país caribenho.

O acordo, que faz parte de um projeto da Fifa para fomentar o esporte em Cuba, foi iniciado na segunda-feira passada com um curso de formação de técnicos cubanos de categorias de base, segundo informou a imprensa local.

O secretário-geral da CBF, Walter Feldman, disse ver um futuro promissor para Cuba no futebol e também para Brasil, na transmissão de experiências e boas práticas.

Feldman considerou que o principal componente do convênio de colaboração é o aspecto técnico, e se mostrou confiante em obter "bons resultados".

"Esta é uma visão a longo prazo e os frutos serão colhidos nos próximos quatro anos. Queremos que este empenho de destinar recursos para uma colaboração como a que iniciamos em Cuba não fique só no desejo e na vontade", afirmou o dirigente.

Leia também:
Seleção treina com seis novos nomes para amistoso
Ex-Seleção, Lucas Moura rebate críticas a Bolsonaro 

O diretor das federações filiadas à Fifa, Jair Bertoni, ressaltou a importância do projeto para o desenvolvimento do futebol em Cuba e destacou que esse é o primeiro acordo entre duas federações com o apoio da Fifa através de seu programa Forward.

Após os primeiros passos do projeto será feito um plano de trabalho para que o futebol cubano cresça em áreas de capacitação e arbitragem. Outro objetivo é que jogadores e treinadores cubanos, aos poucos, comecem a atuar no Brasil, segundo Bertoni.

O Campeonato Cubano conta com 16 times, com todas as 15 províncias do país representadas, além de um clube do município especial Ilha da Juventude.O futebol tem crescido em popularidade nos últimos anos em Cuba, onde o esporte favorito é o beisebol. No entanto, os pobres resultados da seleção nacional faz com que o país ocupe atualmente sua posição mais baixa no ranking mundial da Fifa desde 1993, após cair para o 180º lugar entre 211 seleções.

Veja também

Decisivo mais uma vez, Thiago Neves diz ser 'iluminado' nos momentos importantes
Sport

Decisivo mais uma vez, Thiago Neves diz ser 'iluminado' nos momentos importantes

Cruzeiro e Felipão rescindem contrato após permanência na Série B
Futebol

Cruzeiro e Felipão rescindem contrato após permanência na Série B