A-A+

Central próximo de acertar amistoso contra o Corinthians

O amistoso festivo - em comemoração aos cem anos do clube, deverá acontecer no dia 30 de junho - um domingo -, no Estádio Luiz Lacerda

Lacerdão receberia o jogo contra o CorinthiansLacerdão receberia o jogo contra o Corinthians - Foto: Divulgação

O aniversário de 100 anos da Patativa só ocorrerá no próximo dia 15 de junho, mas a diretoria já se encontra engajada para garantir uma grande comemoração para a torcida centralina. De acordo com o presidente do Conselho Deliberativo, Márcio Porto, o Central está bastante próximo de confirmar partida contra o Corinthians. O amistoso festivo deverá acontecer no dia 30 de junho - um domingo -, no período da tarde, no Estádio Luiz Lacerda. Segundo o cartola, restam poucos detalhes para ratificação oficial desse duelo inédito na região Agreste.

Leia também:
Central e FPF em pé de guerra
Salgueiro ameaça Central como quarta força do Estado
Salgueiro bate Central e vai às semifinais do Pernambucano


“Eu diria que estamos 90% fechados com o Corinthians. Ele já deu o 'ok' para a nossa diretoria e só falta agora a assinatura do contrato, o que poderá acontecer já durante esta semana. Quem intermediou a negociação foi a Federação Pernambucana de Futebol que, de início, entrou em contato com a CBF e, em seguida, com o clube paulista. Nossa prioridade sempre foi o Corinthians, mas também tínhamos a possibilidade de fazer esse amistoso contra o Flamengo”, comentou.

De acordo ainda com Márcio, a tendência é de que o Timão venha para Caruaru com a força máxima. “Ressaltamos que no dia 30 de junho, as competições brasileiras estarão paralisadas devido à realização da Copa América, que neste ano, inclusive, ocorrerá no Brasil. Sendo assim, o Corinthians deverá fazer esse amistoso com o Central com vários atletas titulares, haja vista que estará em ritmo de pré-temporada. O clube paulista retornará às atividades depois da parada do Brasileirão provavelmente no dia 22 de junho e, em seguida, jogará contra a Patativa”, acrescentou.

Segundo o cartola, caso avance para a terceira fase da Série D 2019, o Central, mesmo assim, enfrentará o Timão na data prevista. “De acordo com o calendário da CBF, o primeiro jogo da terceira fase da quarta divisão está marcado também para o dia 30. Entretanto, a FPF já se posicionou, que caso nos se classifiquemos para essa fase, ela solicitará junto à CBF a modificação da data desse primeiro jogo decisivo. Já o segundo e último confronto está previsto para o dia 7 de julho”, explicou Márcio Porto.

Como não poderia ser diferente, o presidente do Conselho Deliberativo do Central prevê uma grande festa no dia 30 de junho. “A programação do nosso São João se encerrará no final de semana da partida e milhares de turistas ainda estarão por aqui. Acrescido a esse grande volume de pessoas, o Lacerdão também deverá contar com um grande número de torcedores da Patativa e do próprio Corinthians, que possui torcida, em todo o país. Sem dúvidas, será uma festa à altura do centenário do Central. Estamos trabalhando para isso!”, finalizou Márcio Porto.


Treinamentos
Prestes a fazer a sua estreia na Série D, o alvinegro caruaruense intensificou esta semana os treinamentos com bola sob o comando do técnico Celso Teixeira. No coletivo da última quarta-feira (24), no Luiz Lacerda, o treinador centralino montou a equipe titular com: França; Allef, Rafael Araújo, Bruno Oliveira e Wendel; Duda, Fernando Pires, Raimundo Júnior e Paulinho Mossoró; Leandro Costa e Joélson.

Na primeira rodada da quarta divisão, o Central visita o Atlético Cearense, no próximo sábado (4), a partir das 15h30, em Fortaleza. Também fazem parte da chave da Patativa o Altos do Piauí e o Maranhão, que se enfrentam na mesma data.

Veja também

Breno diz que vai cobrar elenco em 2022: “por amor ou terror, precisamos mudar”
Futebol

Breno diz que vai cobrar elenco em 2022: “por amor ou terror, precisamos mudar”

'Não escuto essas pessoas', diz Hamilton ao rebater consultor da Red Bull
Fórmula 1

'Não escuto essas pessoas', diz Hamilton ao rebater consultor da Red Bull