Cerca de 350 vítimas de pedofilia no futebol inglês procuraram a polícia

A linha telefônica criada para aqueles que foram abusados recebeu 50 ligações nas duas primeiras horas

Educação financeira via WhatsAppEducação financeira via WhatsApp - Foto: Paullo Allmeida / Folha de Pernambuco

Cerca de 350 pessoas denunciaram nos últimos dias terem sido vítimas de abusos sexuais em clubes de futebol britânicos quando eram crianças, informou nesta quinta-feira a polícia, depois do testemunho de um antigo profissional que revelou o problema.

"Trabalhamos estreitamente com a Federação de Futebol (FA) em resposta a este número significativo e crescente de vítimas, em todos os níveis do futebol", afirmou o chefe da polícia Simon Baley.

Nesta quinta-feira, também se soube que a linha telefônica criada para aqueles que foram abusados por treinadores, olheiros e outros funcionários de clubes recebeu 50 ligações nas duas primeiras horas e 860 em sua primeira semana, anunciou a Sociedade para a Prevenção da Crueldade contra as crianças (NSPCC).

Um antigo profissional chamado Andy Woodward, que jogou pelo Sheffield United, abriu o caminho para explicar os abusos cometidos por Barry Bennell, ex-técnico das fileiras do Manchester City, Crewe Alexandra e Stoke City.

Veja também

Juninho Lola lamenta gol no fim: 'Empate caiu do céu para o Cruzeiro'
Náutico

Juninho Lola lamenta gol no fim: 'Empate caiu do céu para o Cruzeiro'

Hamilton diz que aposentadoria está próxima, mas pretende correr em 2021
Fórmula 1

Hamilton diz que aposentadoria está próxima, mas pretende correr em 2021