Chuvas atrapalham planejamento do Náutico, mas Dal Pozzo minimiza

Duelo com o Botafogo/PB, nos Aflitos, pela Série C, foi adiado por duas vezes seguidas devido o mau tempo

Estádio dos AflitosEstádio dos Aflitos - Foto: Paullo Allmeida

As fortes chuvas que atingiram a Região Metropolitana do Recife (RMR) adiaram, por duas vezes, a partida entre Náutico e Botafogo/PB, nos Aflitos, pela Série C 2019, marcada inicialmente para o domingo, às 18h, e depois reagendada para a segunda, às 18h30 - até o momento, não há nova data para o confronto. A suspensão prejudicou os torcedores que compraram os ingressos, funcionários e pessoas que trabalham em dias de jogo e, claro, o planejamento da comissão técnica para os treinos da semana.

As dores de cabeça começaram na última quinta, dia mais afetado pelas chuvas. Vários jogadores do Náutico não chegaram a tempo para o treinamento no CT Wilson Campos. Para os que conseguiram, o dia foi de trabalho físico na academia do clube. Apenas os goleiros fizeram treinos específicos no gramado.

No domingo, dia em que os jogadores estariam nos Aflitos para o confronto pela Série C, a capital pernambucana novamente sofreu com as chuvas, provocando o adiamento do confronto. Cena que se repetiu na segunda, mas com um detalhe: enquanto no fim de semana a suspensão do duelo aconteceu horas antes, anteontem a decisão do trio de arbitragem só foi tomada minutos antes de a bola rolar.

Questionado sobre a mudança na programação, o técnico Gilmar Dal Pozzo minimizou o caso, citando que o verdadeiro problema não está no âmbito do futebol. “O que aconteceu no Recife nos últimos dias foi muito triste. Foram oito mortes na semana passada, além de pessoas desabrigadas. Pedi aos atletas para ficarmos em paz. Fizemos toda uma preparação para esse jogo. Foram três dias concentrados, mas agora é procurar uma solução e começar a nossa preparação para o clássico”, afirmou.

O duelo em questão é diante do Santa Cruz, no Arruda, no próximo sábado. O Tricolor entrou em campo na última segunda, empatando em 3x3 com o Globo/RN, no Barretão. Ou seja, na teoria, o Tricolor teria menos tempo de trabalho que o Náutico, mas como os alvirrubros ficaram parados por dois dias devido o adiamento do jogo, a diferença é apenas pelo fato de os tricolores terem um desgaste maior provocado pelo jogo e pela viagem a Ceará Mirim, no Rio Grande do Norte.

Com um jogo a menos, o Náutico é o quinto colocado do Grupo A da Série C, com 11 pontos. O Santa Cruz é o terceiro, com 13.

Leia também:
Náutico x Botafogo/PB é adiado mais uma vez
Jogo Náutico x Botafogo/PB é adiado para esta segunda (17)

Veja também

Kevyn testa positivo para Covid-19 e desfalca Náutico
Futebol

Kevyn testa positivo para Covid-19 e desfalca Náutico

Casagrande critica omissão da CBF e Bolsonaro: 'Governo da morte, não da vida'
Opinião

Casagrande critica omissão da CBF e Bolsonaro: 'Governo da morte, não da vida'