COI retira três medalhas de ouro do levantamento de peso nos Jogos de Londres-2012

As três atletas do Cazaquistão foram: Zulfiya Chinshanlo, Maiya Maneza e Svetlana Podobedova

Vigília pelo fim do genocídio da população negraVigília pelo fim do genocídio da população negra - Foto: Divulgação

O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou nesta quinta-feira a retirada de três medalhas de ouro conquistadas por atletas do Cazaquistão no levantamento de peso nos Jogos de Londres-2012 por doping. As três envolvidas são Zulfiya Chinshanlo (-53 kg), Maiya Maneza (-63 kg) e Svetlana Podobedova (-75 kg). No total, oito atletas que participaram dos Jogos de Londres foram punidos nesta quinta-feira.

Entre eles estão outros atletas do levantamento de peso, como a medalhista de bronze na categoria até 69 kg, a bielorrussa Marina Shkermankova. Os nomes das atletas que receberão as medalhas não foram divulgados pelo COI.

O atletismo também foi afetado, nas provas de lançamento de martelo e salto com vara (dois russos que não conquistaram medalhas). Um nono esportista, o lutador russo Besik Kudukhov, também está na lista, mas faleceu em dezembro de 2013. O COI reexaminou um total de 1.243 mostras dos Jogos de Pequim-2008 e Londres-2012 graças à evolução dos métodos científicos desde então.

O doping se tornou o grande problema do olimpismo. Antes dos Jogos de Rio-2016, um gigantesco escândalo de doping de Estado na Rússia afastou 113 atletas do país das Olimpíadas, incluindo quase toda a delegação do atletismo (67 de 68).

Veja também

Você não é o Zlatan, diz Ibrahimovic em campanha de combate à Covid-19
Coronavírus

Você não é o Zlatan, diz Ibrahimovic em campanha de combate à Covid-19

Pandolfo evita problematizar situação do Imperatriz e avisa: ‘Estamos focados no jogo’
Série C

Pandolfo evita problematizar situação do Imperatriz e avisa: ‘Estamos focados no jogo’