Esportes

Com ajuda de Dado, Dudu luta para reencontrar bom futebol

Meia tem recebido uma atenção especial do treinador nas atividades e sendo bastante exigido

Folha FinançasFolha Finanças - Foto: Arte/Folha de Pernambuco

O meia Dudu já mostrou nos clubes que passou a qualidade que tem. Entre 2013 e 2016 se destacou com a camisa do Coritiba e foi contratado pelo Fluminense. Porém, com a camisa da equipe carioca, não conseguiu repetir as boas exibições e teve poucas oportunidades de atuar. Por isso, nesta temporada, foi emprestado ao Náutico até o final do ano a pedido do técnico Dado Cavalcanti. Os dois trabalharam juntos no time paranaense quando o atleta teve a sua melhor fase e, agora, ele espera voltar a ter um bom desempenho em campo com este reencontro.

O comandante alvirrubro, aliás, foi o grande responsável pela vinda do atleta para o clube. Uma conversa do técnico com o jogador praticamente selou a contratação, que foi confirmada após a liberação do Fluminense. Pelo Náutico, Dudu espera reencontrar o bom futebol e retomar o caminho ascendente da carreira.

“Estava de férias e Dado Cavalcanti entrou em contato comigo querendo saber se eu topava vir. Comprei a ideia pela a tradição e força que o Náutico tem. Vi como uma oportunidade de retomar a minha confiança. Cheguei ao Fluminense e não consegui ter sequência de jogos por conta de uma lesão. Mas isso é passado e estou com a cabeça focada no Timbu agora”, garantiu o meio-campista.

Dudu tem recebido uma atenção especial do treinador nas atividades e sendo bastante exigido. Canhoto, o jogador tem trabalhado pelo lado direito, mas sempre procurando Marco Antônio na zona central para criar jogadas ou até finalizar de longe. Embora tenha a preferência de jogar mais centralizado, o meia está se adaptando novamente à função de ponta.

“Sou um meia de criação, mas jogo pela ponta também como fiz com Dado no Coritiba. Conseguir marcar gols e fiz boas partidas. Ele conversou comigo e quer que atue mais pela beirada. Havia um tempo que não jogava e nem treinada nesta função. Mas é questão de treinamento para se adaptar o quanto antes nos jogos para fazer o melhor possível pelo Náutico”, concluiu.

Treinamento

Após dez dias de pré-temporada apenas com trabalhos específicos e por setores, o técnico Dado Cavalcanti desenhou pela primeira vez a equipe titular. Apesar de ter feito muitas substituições durante toda a atividade, o time começou com: Tiago Cardoso; Joazi, Tiago Alves, Ewerton Páscoa e João Paulo; João Ananias, Rodrigo Souza e Marco Antônio; Dudu, Anselmo e Jefferson Nem

Veja também

Fluminense, Flamengo e Corinthians avançam na Copa do Brasil
Futebol

Fluminense, Flamengo e Corinthians avançam na Copa do Brasil

Regularizado, Denis fica à disposição de Claudinei para pegar o Tombense
Sport

Regularizado, Denis fica à disposição de Claudinei para pegar o Tombense