Vôlei

Com autoridade, Brasil supera Sérvia e vence segunda partida seguida na Liga das Nações de Vôlei

Nesta sexta-feira (24), Brasileiros fizeram 3 sets a 1 diante dos sérvios

Darlan e Leal foram os maiores pontuadores da partida, juntos anotaram 39 pontos Darlan e Leal foram os maiores pontuadores da partida, juntos anotaram 39 pontos  - Foto: Maurício Val/FV Imagens/CBV

Antes da Liga das Nações de Vôlei começar, Bernardinho avisou que utilizaria a competição como um teste para os Jogos Olímpicos de Paris. Rodando bem o elenco e dando oportunidade para muitos jogadores, é normal que a equipe brasileira oscile até mesmo durante as partidas. Mesmo sem alguns dos seus titulares, nesta sexta-feira (24), o Brasil foi superior à Sérvia e venceu pelo placar de 3 sets a 1, no Ginásio do Maracanãzinho. 

1º set - 25 x 21 

A primeira parcial teve as características muito parecidas com a do primeiro set diante da Argentina no dia anterior. O Brasil conseguiu ter bom volume em quadra, com o bloqueio atuando bem, a defesa bem concentrada e o ataque conseguindo virar as bolas. Só nesse set, o oposto Darlan anotou sete pontos - seis de ataque e um ace.  

2º set - 25 x 20 

Mantendo uma boa consistência, o Brasil conseguiu sustentar os pontos fortes da primeira parcial e comandou do início ao fim o segundo set. O bloqueio manteve o equilíbrio, ajudando a defesa com bolas mais fáceis para defender. No outro lado da quadra, a dupla Leal e Darlan se mostraram muito eficientes. O cubano naturalizado anotou cinco, enquanto que o jovem oposto fez quatro pontos.  

3º set - 22 x 25 

No terceiro set, o Brasil se desconcentrou a partir da reta final da terceira parcial. Depois de uma marcação de uma suposta condução do ponteiro Leal, a equipe de Bernardinho deixou os nervos saírem do lugar, concedendo mais erros aos sérvios. Além disso, os europeus passaram a agredir mais com os saques, atrapalhando a recepção brasileira e consequentemente os ataques. 

4º set - 25 x 22 

Mesmo depois do intervalo, o Brasil ainda demorou um pouco para engrenar no quarto set e por vezes ainda cometia alguns erros considerados bobos, por pura falta de concentração. Mas aos poucos a equipe foi entrando novamente na partida, principalmente sob a liderança do ponteiro Maurício Borges, que foi fundamental nos momentos mais decisivos do set e anotou seis pontos só nesta parcial. 

Próximo jogo

Depois de dois dias com jogos consecutivos, o Brasil descansa neste sábado (25) e volta à quadra só no domingo (26), quando faz o clássico contra a Itália. Os Italianos venceram seus dois jogos até aqui na primeira semana de Liga das Nações, vencendo Alemanha e Irã, ambos por 3 sets a 0. Neste sábado, os europeus enfrentam a sensação até aqui, a seleção japonesa, antes de pegar o Brasil.   
 

 

Veja também

Rodrygo cita importância de conquistar Copa América e se diz honrado em vestir a 10 da seleção
Copa América

Rodrygo cita importância de conquistar Copa América e se diz honrado em vestir a 10 da seleção

Lukaku brilha, De Bruyne marca e Bélgica desencanta na Eurocopa com vitória sobre a Romênia
Futebol Internacional

Lukaku brilha, De Bruyne marca e Bélgica desencanta na Eurocopa com vitória sobre a Romênia

Newsletter