Com falta de gols, Fabinho Alves quer ajudar centroavantes

Sem intimidade com as redes, atacante de lado se cobra por melhora pessoal e deseja dar assistências no Santa Cruz

Fabinho Alves tem 31 anos e apenas oito gols na carreiraFabinho Alves tem 31 anos e apenas oito gols na carreira - Foto: Daniel Lima/Folha de Pernambuco

Mesmo sendo atacante de ofício, Fabinho Alves não esconde que fazer gols nunca foi seu ponto forte. Em toda carreira, o jogador de 31 anos só balançou as redes oito vezes, mas a marca não o incomoda. Para ele, a cobrança para melhorar o desempenho individual é natural. Inclusive, o novo reforço foi alertado pelo técnico Júnior Rocha em conversa particular entre eles.

“Falei bastante com o treinador e vou procurar finalizar mais. Vou treinar isso e vamos aperfeiçoando no dia a dia. Me preocupo e me cobro para fazer gols”, disse o atleta em sua apresentação oficial.

Leia também:

Tricolor se reapresenta com três caras novas 

Experiência, mas poucos gols: conheça Fabinho Alves 

Por se tratar de um ponta, Fabinho tem como principal característica a velocidade pelos lados do campo. Atuando pelas beiradas, o recém-contratado, que estreou pelo Santa Cruz no Clássico das Emoções ao ser acionado no segundo tempo, espera servir Vinícius, único centroavante do elenco.

“Realmente atacante tem que fazer gols. Mas se pegar os meus números os camisas 9 que jogaram comigo fizeram bastante gols no ano e viraram artilheiros. Procuro fazer jogadas para os centroavantes. Acredito que meu desempenho mostra que estou correspondendo. Eu jogo pelos lados e gosto de atuar assim”, declarou.

Nos três clubes mais recentes defendidos pelo atacante, Fabinho não marcou (Joinville/SC, Criciúma/SC e Volta Redonda/RJ). Após iniciar a temporada no Volta Redonda, onde fez a pré-temporada e ainda disputou quatro partidas do Carioca, o atleta assinou contrato com o Tricolor até o fim do Campeonato Brasileiro da Série C 2018.

Veja também

Vinícius avalia evolução na carreira e diz que Náutico pensa em acesso
Futebol

Vinícius avalia evolução na carreira e diz que Náutico pensa em acesso

Com jogos no Santos Dumont, Brasileiro de Beach Soccer começa nesta quarta
Beach Soccer

Com jogos no Santos Dumont, Brasileiro de Beach Soccer começa nesta quarta