Com Jefferson decisivo, Náutico bate o Freipaulistano pelo Nordestão

O arqueiro alvirrubro foi o nome da partida e garantiu a primeira vitória do Timbu pela Copa do Nordeste. Paiva e Lombardi marcaram os gols da vitória pernambucana

Jogadores do Náutico comemoram após o gol de PaivaJogadores do Náutico comemoram após o gol de Paiva - Foto: Caio Falcão/CNC

Da água ao vinho. Em noite inspirada de Jefferson, o Náutico bateu o Freipaulistano por 2x0, no estádio Etelvino Mendonça, e conquistou a primeira vitória na Copa do Nordeste, neste sábado (01). A partida foi válida pela 2ª rodada da competição. Depois de um péssimo primeiro tempo pelo lado alvirrubro, o gramado irregular não foi suficiente para impedir o Timbu de triunfar fora de casa. Agora o time alvirrubro ocupa a liderança do Grupo B, com quatro pontos, enquanto o Touro do Agreste segue na sétima colocação do Grupo A, com apenas um ponto somado. Os gols foram marcados por Paiva e Fernando Lombardi.

Leia também:
Kieza comemora parceria com Erick no Náutico
Dal Pozzo reforça busca do Náutico por segundo volante


A primeira jogada de perigo aconteceu logo aos 4 minutos. Após bola cruzada na área, Luan desviou com a perna direita e obrigou o goleiro alvirrubro a fazer a primeira aparição no jogo. Não demorou muito para os donos da casa tomarem gosto na partida. Aos 7, Tiquinho aproveitou a bobeada de Erick, que tentou fazer jogada individual no meio de campo, avançou sozinho e tocou de lado para Luan. O atacante chutou forte, e Jefferson pulou no canto direito para evitar a segunda investida do Touro, que continuou criando as melhores oportunidades, sempre pelas laterais do campo.

O camisa 9 do Freipaulistano parecia à vontade no jogo. O pé calibrado de Luan voltou a funcionar aos 24 e depois aos 26, quando o atacante aproveitou a brecha deixada pelo setor defensivo alvirrubro e bateu um canhão de fora da área. Em noite inspirada, Jefferson mais uma vez salvou o time da Rosa e Silva de sair em desvantagem. A bola ainda resvalou no travessão, e foi para fora.

Em uma das poucas tentativas pelo lado alvirrubro, aos 44, Jean Carlos lançou na área, a bola sobrou para Matheus Carvalho, que limpou e chutou por cima do gol, desperdiçando grande chance para o Timbu.

Diferente dos primeiros 45 minutos iniciais, o Náutico voltou para a segunda etapa com outra roupagem. Com postura oposta, mais ofensivo e aproveitando melhor os espaços do campo adversário, a equipe comandada pelo técnico Gilmar Dal Pozzo passou a ditar o ritmo do jogo. Em doze minutos, o Timbu chegou ao campo do Touro em cinco oportunidades. Da água para o vinho, aos 15, Willian Simões fez bela jogada e acionou Jean Carlos pela esquerda. O meio-campista cruzou e Guillermo Paiva, que entrou no lugar de Kieza, depois de o centroavante sair machucado, aproveitou a chance e estufou as redes do goleiro Giovani.

O jogo continuou disputado, mas o Timbu foi mais efetivo. Depois de várias investidas, Jean Carlos apareceu novamente. O meia alçou na área e Fernando Lombardi, absoluto por cima, fez o segundo para os alvirrubros.

O Touro, no entanto, continuou tentando. Mas em noite de paredão, Jefferson tomou o protagonismo. Por cima, por baixo: o arqueiro fechou o gol e garantiu o primeiro triunfo dos alvirrubros na Copa do Nordeste.

Ficha técnica

Freipaulistano/SE
Giovani; Jô, Gerônimo Rodrigues, Renato, Luciano (Wallace Sergipano); Ramalho (João Grilo), Rhuan, Diogo, Vitor; Matheus (Baianinho), Luan. Técnico: Betinho

Náutico
Jefferson; Bryan, Fernando Lombardi, Ronaldo Alves e Willian Simões (Erick Daltro); Luanderson, Rhaldney e Jean Carlos; Matheus Carvalho, Erick (Lucas) e Kieza (Paiva). Técnico: Gilmar Dal Pozzo

Local: Etelvino Mendonça (Frei Paulo/SE)
Árbitro: José Ricardo Vasconcellos Laranjeira (AL)
Assistentes: Pedro Jorge Santos de Araujo e Ana Paula dos Santos (ambos de AL)
Gols: Paiva e Fernando Lombardi
Cartão amarelo: Ramalho (FP), Glmar Dal Pozzo (N), João Grilo (FP)


Veja também

Hélio elogia força do lado direito em vitória
Futebol

Hélio elogia força do lado direito em vitória

Náutico goleia Oeste por 4x1, nos Aflitos, e se distancia do Z4
Futebol

Náutico goleia Oeste por 4x1, nos Aflitos, e se distancia do Z4