Com narrador e simulação, McLaren cria vídeo de Senna

A McLaren exibiu um vídeo com a volta histórica de Ayrton Senna, no GP de Mônaco em 1988, quando o brasileiro alcançou a pole position com a marca de 1min23s998

Ayrton SennaAyrton Senna - Foto: Divulgação/internet

A McLaren decidiu prestar nesta quarta-feira (23) uma homenagem a uma das grandes performances de Ayrton Senna pela equipe -mas que quase ninguém viu.

Nos treinos de classificação para o Grande Prêmio de Mônaco de 1988, Senna conquistou a pole position com a marca de 1min23s998. O tempo foi 1s427 melhor que o do segundo colocado, o francês Alain Prost, também da McLaren. O melhor desempenho de outra equipe foi de Gerhard Berger, que marcou 1min26s685 com a Ferrari, a 2s687 do tempo de Senna.

Só que, em uma época bem diferente nas transmissões, a TV não exibiu a volta de Senna. E os únicos registros são números e testemunhas oculares do feito.

E foi aí que a McLaren resolveu dar uma forcinha. Nesta quarta-feira (23), em suas redes sociais, a equipe inglesa divulgou um vídeo (confira aqui) no qual simula a volta de Senna naquele 14 de maio de 1988.

O vídeo reproduz uma gravação em VHS, imitando inclusive os "chuviscos" de uma câmeara onboard de 1988. Quem narra o vídeo é Murray Walker, locutor que trabalhou na BBC entre 1976 e 1996, considerado um dos mais importantes da história da Fórmula 1.

Na corrida, porém, a vitória ficou com Alain Prost, seguido de dois pilotos da Ferrari: Gerhard Berger e Michele Alboreto. Senna abandonou na volta 67, quando liderava, após um acidente na entrada do túnel.

Veja também

Perto de fechar com Bragantino, Maycon Cleiton não encara o Itabaiana
Futebol

Perto de fechar com Bragantino, Maycon Cleiton não encara o Itabaiana

Retrô recebe da CBF certificado de clube formador
Futebol

Retrô recebe da CBF certificado de clube formador