Com R$ 540 milhões, Hamilton é o mais rico do esporte britânico; Ibra é 2º

Lista dos mais ricos do país foi divulgada neste final de semana, pelo jornal "Sunday Times"

Lewis HamiltonLewis Hamilton - Foto: AFP

O piloto Lewis Hamilton segue como o esportista com maior fortuna no Reino Unido, mas tem agora Zlatan Ibrahimovic como "maior ameaça" na lista de mais ricos do país divulgada neste fim de semana pelo jornal "Sunday Times".

O tradicional ranking da publicação leva em conta pessoas com residência estabelecida no Reino Unido. Ibrahimovic chegou a Manchester no último ano e, com fortuna estimada em 110 milhões de libras (R$ 453 milhões), só fica atrás de Lewis Hamilton, que tem patrimônio equivalente a 131 milhões de libras (R$ 540 milhões).

O piloto de Fórmula 1 teve um ganho de 25 milhões de libras em relação a 2016, quando já liderava a lista. Entre os atletas do futebol, Ibrahimovic tomou o posto de mais rico de Wayne Rooney, que tem uma fortuna estimada em 93 milhões de libras (R$ 385 milhões). Pep Guardiola (50 milhões de libras), que também estabeleceu residência no país no último ano, também aparece entre os dez primeiros.

Veja os 10 primeiros colocados entre os esportistas da lista de mais ricos do "Sunday Times":

Lewis Hamilton 131 milhões de libras (R$ 540 milhões)
Zlatan Ibrahimovic 110 milhões de libras (R$ 453 milhões)
Wayne Rooney 93 milhões de libras (R$ 385 milhões)
Jenson Button 86 milhões de libras (R$ 354 milhões)
Rory Mcllroy 82 milhões de libras (R$ 338 milhões)
Andy Murray 77 milhões de libras (R$ 317 milhões)
Jose Mourinho 61 milhões de libras (R$ 251 milhões)
Gareth Bale 54 milhões de libras (R$ 222 milhões)
Lou Deng 50 milhões de libras (R$ 206 milhões)
Pep Guardiola 50 milhões de libras (206 milhões)

Veja também

Jair Ventura ressalta 'melhor segundo tempo' do Sport em 'final de Copa do Mundo'
Sport

Jair Ventura ressalta 'melhor segundo tempo' do Sport em 'final de Copa do Mundo'

Hélio agradece jogadores e afirma não ter deixado de acreditar na permanência
Náutico

Hélio agradece jogadores e afirma não ter deixado de acreditar na permanência