Sport

Tavares ressurge em setor carente, e ganha elogios no Sport

Lateral-esquerdo de origem foi titular no Clássico dos Clássicos e pode ganhar sequência com Louzer atuando no meio

Júnior Tavares em ação contra o NáuticoJúnior Tavares em ação contra o Náutico - Foto: Anderson Stevens/Sport Club do Recife

Contratado em outubro do ano passado para reforçar o Sport na Série A do Campeonato Brasileiro, Júnior Tavares não demorou a assumir a titularidade do time na ocasião. Até o final do certame, venceu a concorrência com Sander e Luciano Juba e tomou conta da lateral esquerda leonina. Nesta temporada, porém, depois de estender seu vínculo de empréstimo, o cenário mudou. Perdeu a vaga para Sander e pouco vinha sendo utilizado. Pelo menos até Umberto Louzer assumir o comando do Leão. 

Com a chegada do novo técnico, Tavares parece ter arrumado espaço no time titular. Não como lateral-esquerdo, mas, sim, de segundo volante. Foi assim ao entrar no segundo tempo contra o Retrô, e mais uma vez no Clássico dos Clássicos. Coincidentemente, suas únicas duas aparições no Pernambucano. Até então, ele havia entrado em campo três vezes, todas pela Copa do Nordeste. Além de ajudar Marcão no desarme na cabeça de área, o lateral de origem foi bastante participativo na criação de jogadas leonina, recebendo elogios da torcida e também do treinador rubro-negro. 

"O Júnior entrou muito bem no jogo passado. É um jogador que nos dá esse jogo de transição, essa verticalidade. Um atleta que tem uma construção muito boa, bem interessante. Tem esse poder de marcação. Conversei com ele no terceiro dia de treinamento, já havia visto ele jogar assim nessa função. Contra o Retrô, o jogo pedia essa característica, e feliz pelo Sport em ter um jogador assim, que hoje o futebol exige bastante", começou Louzer. 

"Ele treinou a semana inteira, nos agradou, só foi confirmando o que tínhamos de ideia e fez uma partida segura, de muita qualidade, dando sustentação na hora de defender, agressividade na hora de transitar para o campo ofensivo e também na construção no campo do oponente. Assim como toda a equipe, tem muita margem para evoluir", completou.

Apesar de ter reforçado bem o elenco para este início de temporada, o Sport ainda não anunciou a chegada de um segundo volante. O setor vem dando dor de cabeça desde a disputa do Brasileirão 2020, quando o time era comandado por Jair Ventura. Titular na maioria dos jogos à época, e único jogador da posição no plantel com características para executar a função, Betinho se mostrava bastante irregular, como tem sido em 2021. 

Veja também

Gareca impede vacinação da seleção do Peru para não furar fila prioritária
Futebol

Gareca impede vacinação da seleção do Peru para não furar fila prioritária

Encaminhado com o Náutico, Vargas ganha elogio de Hélio
Futebol

Encaminhado com o Náutico, Vargas ganha elogio de Hélio