Futebol

Com Souza decisivo, bola parada é arma do Náutico em vitórias na Série C

Em todos os jogos que o Timbu saiu vencedor na competição, as faltas e escanteios foram cruciais nos gols

Diego Matos e Souza na bola paradaDiego Matos e Souza na bola parada - Foto: Tiago Caldas/CNC

Se tem vitória do Náutico na Série C do Campeonato Brasileiro, tem gol de bola parada. Em todas as quatro conquistas no torneio até o momento na competição, o Timbu balançou as redes em jogadas de cobrança de falta ou escanteio. Quase sempre com a participação decisiva do meia Souza, de 35 anos.

O caso mais recente foi na vitória por 2x0 diante do Volta Redonda, nos Aflitos, na rodada passada da Série C. Souza cobrou falta com categoria e marcou um golaço, o segundo do duelo - o primeiro foi de Jael. Na mesma partida, o camisa 8 quase balançou a rede outras vezes por meio da bola parada, mas o goleiro Jean Drosny evitou que o alvirrubro elevasse sua participação em gols. 

Victor Ferraz ao lado de Souza, que completou 100 jogos pelo NáuticoVictor Ferraz ao lado de Souza, que completou 100 jogos pelo Náutico

Contra o São José, nos Aflitos, na segunda rodada, que marcou a primeira vitória do Náutico no torneio, Souza foi o garçom na cobrança de escanteio que gerou o gol de cabeça de Jael

Diante do Floresta, também em casa, o camisa 8 marcou de falta. No fim, foi a vez de Eduardo levantar na área e Juan Gauto, de cabeça, deixar o dele. Dois gols oriundos de bola parada e triunfo por 3x1. Fechando a lista, Souza cobrou o escanteio que gerou o gol de Denilson, de cabeça, na única vitória do Náutico fora de casa na Série C, contra o Pouso Alegre. 

Diante do Volta Redonda, Souza completou 100 jogos com a camisa do Náutico, com 24 gols marcados. “Pela competitividade do campeonato, a bola parada vira um trunfo forte. Tenho certeza que nossa equipe é uma das melhores nisso”, comemorou o treinador Fernando Marchiori.

Jael e Jean desfalques

Marchiori terá dois desfalques para o próximo jogo do Náutico na Série C do Campeonato Brasileiro, segunda (12), contra o Confiança, no Batistão. O volante Jean Mangabeira e o atacante Jael receberam o terceiro cartão amarelo e estão suspensos.

Enquanto o volante foi advertido por uma falta, o centroavante acabou levando cartão após tirar a camisa ao comemorar um gol. Ambos só estarão à disposição na rodada posterior, contra o Botafogo, no dia 19 de junho, no Almeidão. 

Sem Jean, a tendência é que Juan Gauto entre na cabeça de área. Outra possibilidade seria colocar Victor Ferraz no setor, acionando Diego Ferreira na lateral. Na frente, com a ausência de Jael, Júlio pode ganhar uma oportunidade no time principal.

Veja também

Equipe de Rayssa Leal faz pressão para mãe da skatista dormir com ela na Vila Olímpica
Olimpíadas

Equipe de Rayssa Leal faz pressão para mãe da skatista dormir com ela na Vila Olímpica

Haas confirma saída de Magnussen no fim da atual temporada da Fórmula 1
Fórmula 1

Haas confirma saída de Magnussen no fim da atual temporada da Fórmula 1

Newsletter