Conselho discutirá possibilidade de antecipação das eleições no Náutico

Tema deve ser discutido nesta segunda (22), em reunião do Deliberativo

Ivan Brondi substituiu Marcos Freitas, que pediu dispensa do cargo no ano passadoIvan Brondi substituiu Marcos Freitas, que pediu dispensa do cargo no ano passado - Foto: Divulgação

Nesta segunda (22), o Conselho Deliberativo do Náutico deve discutir, em reunião extraordinária, a possibilidade de antecipar as eleições, marcadas anteriormente para dezembro de 2017. Dezenas de conselheiros apresentaram nesta semana requerimentos em que solicitavam a inclusão do tema na pauta de discussões e o presidente do Conselho, Gustavo Ventura, já confirmou que vai apreciar o pedido. Vale citar que, caso o clube decida por fazer novas eleições, o atual presidente do Timbu, Ivan Brondi, ainda teria uma possibilidade, assegurada pelo estatuto, de terminar seu mandato até o final do ano.

Procurado pela reportagem da Folha de Pernambuco, Ivan Brondi não atendeu às ligações. O mandatário, porém, não deve se posicionar até que haja uma definição sobre o caso. Quem comentou o assunto foi o vice-presidente jurídico do clube, Bernardo Wanderley.

"Esse assunto é levantado pelos conselheiros desde o início do ano, mas Ivan está tranquilo e pretende cumprir o mandato dele normalmente. Se o Deliberativo determinar isso (antecipação), vamos lutar por nossos direitos. Estamos cumprindo o trabalho e, para organizarem uma nova eleição, seria preciso provar um fato relevante, excepcional, que desabone o Executivo", disse.

Veja também

Eslovênia acusa comitê organizador do Mundial de Handebol de servir comida estragada
Handebol

Eslovênia acusa comitê organizador do Mundial de Handebol de servir comida estragada

Com 21% de chance de queda, Sport encara sequência que lhe deu apenas quatro pontos no 1º turno
Sport

Com 21% de chance de queda, Sport encara sequência que lhe deu apenas quatro pontos no 1º turno