Futebol Internacional

Courtois 'some' em reapresentação e deixa a concentração da Bélgica

Goleiro não se reapresentou no domingo e não viajou nesta segunda-feira (19)

Courtois, goleiro Belga Courtois, goleiro Belga  - Foto: ATTILA KISBENEDEK / AFP

Uma nova crise estourou no vestiário da seleção da Bélgica. Um dos principais nomes da equipe de Domenico Tedesco, o goleiro Thibaut Courtois, do Real Madrid, teria deixado a concentração da equipe às vésperas do confronto contra a Estônia, pelas eliminatórias para a Eurocopa de 2024.

Segundo a imprensa belga, o goleiro não se reapresentou junto aos demais companheiros de seleção num hotel em Tubize, no domingo. Nesta segunda-feira, ficou de fora da viagem a Talín, na Estônia, onde os diabos vermelhos encaram a equipe da casa.

As atitudes do goleiro de 31 anos teriam a ver com a decisão de Tedesco de dar a faixa de capitão ao atacante Romelu Lukaku no empate (1 a 1) contra a Áustria, no sábado, também pelas eliminatórias. Em decisão de Tedesco, Lukaku seria capitão contra a Áustria e Courtois, contra a Estônia. O goleiro foi titular normalmente no sábado.

No sábado, o técnico falou sobre o movimento e a relação com o goleiro. O capitão da equipe é o meia Kevin de Bruyne, ausente nesta data Fifa.

"Thibaut é muito importante para nós. Não consigo nem dizer o quanto o aprecio. Tive uma conversa com ele e com Romelu sobre a faixa. Contra a Áustria foi Lukaku e contra a Estônia, Thibaut ficaria com esse crédito. É importante que ele se sinta valorizado", declarou.

Veja também

Com gol de Lautaro Martínez, Argentina vence Colômbia e se torna maior campeã da Copa América
Copa América

Com gol de Lautaro Martínez, Argentina vence Colômbia e se torna maior campeã da Copa América

Sem dificuldades, Náutico goleia Figueirense e se aproxima do G-8 da Série C
Náutico

Sem dificuldades, Náutico goleia Figueirense e se aproxima do G-8 da Série C

Newsletter