Covid-19: tenistas impactados financeiramente receberão ajuda

Federação Internacional de Tênis vai auxiliar quem estiver entre 500º e 700° lugares no ranking

Thomaz Bellucci, tenista brasileiroThomaz Bellucci, tenista brasileiro - Foto: AFP

A Federação Internacional de Tênis (ITF, sigla em inglês) anunciou um programa de assistência financeira para os tenistas que se encontram entre as posições 501º e 700° do ranking mundial, impactados pela pandemia do novo coronavírus. A decisão foi publicada ontem (18) no site oficial da entidade. Os atletas pior rankeados receberão a ajuda da ITF desde que não estejam recebendo outro auxílio monetário.

"Estamos fazendo tudo ao nosso alcance para garantir que os jogadores talentosos, que escalam o caminho da ITF, recebam o apoio de que precisam e continuem seu desenvolvimento durante esses tempos incertos. Muitos profissionais e organizações no mundo do tênis foram significativamente afetados por esse hiato em nosso esporte devido à Covid-19. Não é uma abordagem simples e demorada. A ITF está revisando todas as opções viáveis apropriadas para fornecer suporte onde for mais necessário entre nossos diferentes interessados”, esclareceu o presidente da ITF, David Haggerty.

A ITF se comprometeu em divulgar todos os detalhes desta contribuição após reunião do corpo diretivo, prevista para o dia 2 de junho. Por causa da disseminação da Covid-19 pelo mundo, todas as competições internacionais gerenciadas pela federação estão suspensas até 31 de julho.

Leia também:
Nadal está pessimista com breve retomada do tênis

Veja também

No Paraná, jogadores são afastados após suspeita de fraude em teste de Covid
Futebol

No Paraná, jogadores são afastados após suspeita de fraude em teste de Covid

Presidente da UEFA diz que semifinais da Liga dos Campeões não estão ameaçadas
Futebol Internacional

Presidente da UEFA diz que semifinais da Liga dos Campeões não estão ameaçadas