Eurocopa

CR7 iguala recorde de gols por seleções e classifica Portugal; veja como ficaram duelos das oitavas

Portugal confirmou classificação com empate em 2 a 2 diante da França, em Budapeste

Cristiano Ronaldo chegou a 109 com a camisa da equipe portuguesaCristiano Ronaldo chegou a 109 com a camisa da equipe portuguesa - Foto: Bernadett Szabo/POOL/AFP

Atual campeão europeu, Portugal confirmou nesta quarta-feira (23) sua classificação às oitavas de final da Eurocopa com o empate em 2 a 2 diante da França, em Budapeste.

Com os dois gols de pênalti que anotou, Cristiano Ronaldo chegou a 109 com a camisa da equipe portuguesa e igualou o recorde do iraniano Ali Daei como maior artilheiro de seleções do futebol mundial.

Aos 36 anos, o atacante da Juventus (ITA) também é o goleador desta edição da Euro, com cinco bolas na rede.
Portugal agora enfrenta a Bélgica, no domingo (27).

Karim Benzema, que não marcava pela França desde 2015, fez os dois gols dos atuais campeões do mundo e classificou o time comandado por Didier Deschamps às oitavas de final. Líderes do Grupo F, os franceses enfrentam a Suíça.

Em 2014, as duas seleções se encontraram na fase de grupos da Copa do Mundo, e o time, que já era comandado por Deschamps, goleou os suíços por 5 a 2. Benzema marcou um dos gols daquela goleada.

Na outra partida do Grupo F disputada nesta quarta, a Hungria quase surpreendeu a Alemanha e chegou a estar duas vezes na frente do placar, mas com o empate por 2 a 2, em Munique, acabou permitindo a classificação dos alemães e está eliminada do torneio.

O duelo com os húngaros por pouco não marca um fim melancólico de trabalho para o técnico Joachim Löw, eliminado com a seleção na primeira fase da Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

Após a Eurocopa, Löw dará lugar a Hansi Flick, seu assistente na conquista do Mundial de 2014, no Brasil, e treinador campeão da Champions League com o Bayern de Munique na temporada 2019/2020.

Classificada, a Alemanha encara a Inglaterra nas oitavas em reedição da final da Copa do Mundo de 1966, vencida pelos ingleses.

A partida entre alemães e húngaros esteve cercada de fatores extracampo. Isso porque a Uefa proibiu a Allianz Arena, sede de Munique na Euro, de colorir o exterior do estádio com as cores do arco-íris, símbolo da comunidade LGBTQIA+.

O veto da entidade causou controvérsia e disparou manifestações pelo país. Outros clubes do futebol alemão iluminaram suas arenas com o arco-íris, e torcedores que compareceram à Allianz Arena também levaram bandeiras e camisetas alusivas ao tema.

Capitão da Alemanha, o goleiro Manuel Neuer utilizou uma braçadeira com as cores.

Pouco antes do apito inicial, um torcedor que vestia uma camisa da seleção alemã invadiu o gramado com uma bandeira colorida em protesto à proibição da Uefa.

Confira os duelos das oitavas de final da Euro:
Sábado (26) 13h - País de Gales x Dinamarca 16h - Itália x Áustria
Domingo (27) 13h - Holanda x República Tcheca 16h - Bélgica x Portugal
Segunda (28) 13h - Croácia x Espanha 16h - Suíça x França
Terça (29) 13h - Inglaterra x Alemanha 16h - Suécia x Ucrânia

Veja também

Tênis: Djokovic também vai disputar torneio de duplas mistas em Tóquio
JOGOS OLÍMPICOS

Tênis: Djokovic também vai disputar torneio de duplas mistas em Tóquio

Ketleyn cita 'lembranças maravilhosas' de Tóquio e não descarta ir a Paris-2024 aos 36 anos
JOGOS OLÍMPICOS

Ketleyn cita 'lembranças maravilhosas' de Tóquio e não descarta ir a Paris-2024 aos 36 anos