Cristiano Ronaldo passa em branco, mas Juventus vence Inter pelo Italiano

Com a vitória, a Juve segue tranquila na liderança da competição e soma 43 pontos, 11 à frente do vice-líder Napoli

Cristiano Ronaldo e companhia buscam mais um triunfo no ItalianoCristiano Ronaldo e companhia buscam mais um triunfo no Italiano - Foto: Marco BERTORELLO / AFP

Juventus e Inter de Milão se enfrentaram, nesta sexta-feira (7), na abertura da 15ª rodada do Campeonato Italiano. Cristiano Ronaldo passou em branco, mas os donos da casa contaram com gol salvador de Mandzukic para vencer por 1x0 no Juventus Stadium, em Turim.

Com a vitória, a Juve segue tranquila na liderança da competição e soma 43 pontos, 11 à frente do vice-líder Napoli, que ainda joga na rodada. Já a Inter estaciona nos 29, na terceira colocação, e perde a chance de diminuir a diferença para a rival.

O jogo desta quinta foi antecipado já que as duas equipes têm confrontos pela Liga dos Campeões na próxima semana. A Inter recebe o PSV na terça-feira (11) e busca vaga nas oitavas, enquanto a Juve, já classificada, visita o Young Boys na quarta (12).

O primeiro tempo teve chances para os dois lados. Aos 28 minutos, a Inter quase marcou. Politano tocou para Icardi, que fez o pivô e serviu Gagliardini, mas o chute bateu na trave. Pouco depois, foi a vez de Perisic aproveitar cruzamento rasteiro e bater para fora.

Já a Juventus insistiu na bola aérea com Cristiano Ronaldo, Dybala, Mandzukic e Chiellini. A melhor chance foi com o zagueiro italiano, que cabeceou para bela defesa de Handanovic aos 36 minutos. Na sobra, CR7 tentou de bicicleta, mas a finalização saiu fraca.

Na volta do intervalo, a dona da casa continuou melhor e foi premiada com o gol aos 20 minutos. Cancelo fez bela jogada e cruzou da esquerda para Mandzukic, que apareceu na segunda trave e cabeceou para as redes quase dentro do gol.

Veja também

Líder da Série B, Náutico recebe Vila Nova nos Aflitos nesta terça (15)
Futebol

Líder da Série B, Náutico recebe Vila Nova nos Aflitos nesta terça (15)

Em carta de renúncia, Milton Bivar fala em "missão cumprida", dois meses após reeleição
Sport

Em carta de renúncia, Milton Bivar fala em "missão cumprida", dois meses após reeleição