Cruzeiro e Sesi decidem a Superliga neste domingo

Derrotado no primeiro confronto, o Sesi precisa vencer o Cruzeiro para forçar o Super Set. O jogo é às 9h, em Minas

Sesi/SP x Sada Cruzeiro/MG, na primeira partida final da SuperligaSesi/SP x Sada Cruzeiro/MG, na primeira partida final da Superliga - Foto: Gaspár Nóbrega/Inovafoto/CBV

Sada Cruzeiro/MG e Sesi/SP voltam à quadra, neste domingo (5), para a segunda partida da série final da Superliga masculina 2017/18. O duelo, que terá como palco o ginásio Mineirinho, em Belo Horizonte, começa às 9h, com transmissão da Rede Globo e do Sportv2. Na semana passada, em um Ibirapuera lotado, o Cruzeiro arrancou uma importante vitória por 3x2 (25/23, 27/25, 26/24, 22/25 e 15/12) em um duelo equilibrado do início ao fim.

Prevaleceu, contudo, o maior volume de jogo dos cruzeirenses, que, embora tenham cometido muitos erros de saque, mostraram uma defesa sólida e eficiência nas viradas de bola e contra-ataques. Como fizeram melhor campanha na primeira fase do certame, os mineiros ficaram com o benefício de fazerem a segunda e derradeira partida da série em casa, ao lado da sua fanática torcida. Uma nova vitória, por qualquer placar, assegura o hexacampeonato ao Cruzeiro, que foi campeão consecutivo nos últimos quatro nacionais.

Leia também:
Líbero, Murilo retorna à seleção para Liga das Nações
Sada Cruzeiro vence Sesi na 1ª partida da final da Superliga
Superliga: Sesi e Cruzeiro iniciam série decisiva
Sesi/SP impõe nova derrota ao Sesc/RJ na semifinal
Cruzeiro bate o Taubaté e decide Superliga

O Sesi, por sua vez, tenta repetir o feito de 2010/11, quando levantou o título justamente em uma final contra o Cruzeiro. Para isso, precisa vencer o confronto deste domingo, também por qualquer placar, para levar a decisão do título ao Super Set – um set de desempate com os mesmos 25 pontos.

Em seu favor, o Sesi tem a experiência de Murilo, que já foi eleito melhor jogador do mundo e atualmente atua como líbero, organizando a linha de passe paulista, além do habilidoso levantador William, que é diferenciado na posição e conhece muito bom o time do Cruzeiro, onde atuou nas últimas temporadas. A tendência é novamente de um jogo aberto, de elevado nível técnico e imprevisível, dada a qualidade dos elencos do Sesi e do Cruzeiro.

Veja também

Superliga europeia fica ameaçada de ruir dois dias após ser criada
Futebol Internacional

Superliga europeia fica ameaçada de ruir dois dias após ser criada

Superliga é criticada por 14 clubes da primeira divisão inglesa
Futebol Internacional

Superliga é criticada por 14 clubes da primeira divisão inglesa