D' Agostin, Jeohsah e Cristiano conquistam Pódio Pernambuco

Judoca foi campeão mundial escolar, Jeohsah é paratleta do salto em altura, enquanto Rocha é técnico de handebol

Os vencedores dessas categorias foram definidos através de votos de jornalistas e cronistas esportivosOs vencedores dessas categorias foram definidos através de votos de jornalistas e cronistas esportivos - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

O fim da temporada esportiva em Pernambuco marca o início das homenagens àqueles responsáveis por representar o Estado em 2018. Mais uma vez, o Teatro de Santa Isabel foi o palco do Prêmio Pódio de Pernambuco, promovido pela Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer. Além de brindar os melhores esportistas por modalidade, indicados pelas suas respectivas federações, o evento, realizado nesta terça (11), coroou Leonardo D’agostin, como melhor atleta; Jeohsah Beserra, o melhor paratleta; além de Cristiano Rocha, o técnico do ano.

Os vencedores dessas categorias foram definidos através de votos de jornalistas e cronistas esportivos. Antes, no entanto, uma comissão da secretaria executiva de Esportes do Estado, realizadora do Pódio Pernambuco, selecionou aqueles que iriam concorrer a cada um dos prêmios. Ao prêmio de melhor atleta disputaram também Filipe Silva (futebol de areia) e Maria Grasielly Brasil (handebol). Na categoria Melhor Paratleta estavam João Ivson (tiro com arco) e Lucas Carvalho (tênis de mesa). Entre os técnicos, os outros indicados eram Paulo Matos, da Associação Atlética Unicap, um dos responsáveis pela preparação de Lucas Carvalho, e Abraão Nascimento, veterano do atletismo pernambucano.

“Este ano, o Pódio Pernambuco celebra a ‘gratidão’. E não poderia ter havido melhor tema, pelo fato de podermos, hoje, agradecer a todos que contribuíram para um ano de conquistas. Foi um ano de muitas sugestões e reconhecimento, também. As críticas, às vezes, fizeram doer, mas também serviram como um aprendizado. E vamos colocar em prática cada ensinamento para continuarmos evoluindo, ainda mais, na próxima temporada”, disse o secretário executivo de esportes do Governo do Estado, Diego Perez.

O judoca Leonardo D’agostin foi eleito o melhor atleta pernambucano do ano após ser campeão mundial escolar e campeão pan-americano em 2018. Jeohsah Beserra, melhor paratleta, foi campeão brasileiro do Circuito Loterias Caixa de paratletismo e prata no mundial juvenil no salto em altura. Já o melhor técnico, Cristiano Rocha, do handebol, tem, entre outros títulos, o campeonato pan-americano com a seleção brasileira júnior e levou o Anglo Líder ao tetra dos Jogos Escolares da Juventude.

Leia também:
Pódio Pernambuco encerra temporada e premia atletas
Antes e depois mostra evolução das obras nos Aflitos

Veja também

Oito atletas desfalcam Santa por conta da Covid-19
Série C

Oito atletas desfalcam Santa por conta da Covid-19

Uefa defende decisão sobre estádio em Munique mas adiciona cores do arco-íris em logo
DIVERSIDADE

Uefa defende decisão sobre estádio em Munique mas adiciona cores do arco-íris em logo