Defesa do Sport terá mudança contra o Vitória

Éder Ferreira - que virou titular justamente contra o Operário/PR -, foi expulso e cumprirá suspensão. Rafael Thyere foi poupado, mas não preocupa

Adryelson voltará a ser titularAdryelson voltará a ser titular - Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Depois de duas vitórias consecutivas, o Sport vai buscar manter o bom momento na próxima quinta-feira (03), quando enfrentará o Vitória, em Salvador. Embora o jogo seja fora de casa, o Leão tem uma boa razão para acreditar que pode deixar a Bahia com três pontos na bagagem. Afinal, o Leão da Barra está na 18ª posição da Série B e não vence há quatro jogos. Para o confronto, o técnico Guto Ferreira deve ter ao menos uma mudança na equipe.

Leia também:
Reservas vêm fazendo a diferença no Sport
Sport tem 81% de probabilidade de acesso, segundo site
Brocador e Guilherme formam a dupla dinâmica do Sport
Nordestão: Sport cai no Grupo A. Santa e Náutico ficam no B


Éder, que virou titular justamente na última partida - vitória sobre o Operário/PR por 3x1 -, foi expulso na partida e cumprirá suspensão. Dessa maneira, o prata da casa Adryelson deve voltar ao posto que ocupava até recentemente. Caso nenhum imprevisto aconteça, Rafael Thyere será o seu parceiro de zaga. Na tarde desta terça-feira (01), o zagueiro não treinou. De acordo com o clube, não há motivos para se preocupar. O jogador foi poupado devido a dores nas costas.

Assim, tudo indica que Thyere já participe das movimentações junto ao elenco na manhã desta quarta-feira. Caso a situação se agrave, Cleberson apareceria como o principal candidato a se juntar a Adryelson. Ainda que a defesa rubro-negra não esteja entre as melhores da competição - o Sport tomou 23 gols em 25 partidas, média de quase um sofrido por jogo -, a equipe já ficou sete jogos sem ser vazada. É a terceira melhor marca deste quesito no torneio.

O restante da defesa do time deve ser rigorosamente a mesma, com Maílson no gol e Norberto e Sander nas laterais. No meio-campo, o volante Wilian Farias, que só disputou três partidas, mas já virou titular absoluto, segue fazendo parceria com Charles na cabeça de área. Leandrinho continua responsável pela armação. Na frente, Yan e Guilherme atacam pelas pontas, com Hernane Brocador, artilheiro da Série B, sendo mantido como centroavante.

Veja também

Recém-chegado, Anderson assume titularidade e encanta Hélio dos Anjos: ‘Acima da média’
Náutico

Recém-chegado, Anderson assume titularidade e encanta Hélio dos Anjos: ‘Acima da média’

Cinco razões que fazem de Maradona um dos melhores jogadores da história
LUTO

Cinco razões que fazem de Maradona um dos melhores jogadores da história