Denilson se aventura em nova empreitada

Denílson pretende ser mais do que uma fonte de boas histórias, passando a atuar como entrevistador no YouTube

Denilson, pentacampeão mundial com o Brasil em 2002Denilson, pentacampeão mundial com o Brasil em 2002 - Foto: Ricardo Stuckert/CBF

Falou o nome de Denílson, a associação automática que vem à mente é a da figura de um dos ex-atletas brasileiros de maior carisma. Dentro de campo, pelos dribles e habilidade acima da média. Fora dele, o pentacampeão mundial é sinônimo de histórias engraçadas dos bastidores da bola. Agora, o comentarista do Programa Jogo Aberto na Band começa uma caminhada em outro tipo de campo, a internet, estreando um canal no YouTube, o "Denilson Show". Em entrevista à Folha de Pernambuco, o ex-jogador falou sobre o novo desafio.

Na nova empreitada, Denílson pretende ser mais do que uma fonte de boas histórias, passando a atuar como entrevistador para trazer personalidades do esporte e de outras áreas, além de mostrar a rotina familiar e do trabalho. A ideia surgiu em parceria com a Vibra, empresa digital do Grupo Bandeirantes. O lançamento do canal contou com uma "resenha-live" com a esposa, Luciele Camargo.

Leia também:

Final da Copa do Mundo de 1994 será reprisada
Clubes e CBF definem empresas por contrato internacional de R$ 209 mi do Brasileiro
Brasil x Bolívia, na Arena PE, pode ser disputado dia 4 de setembro, diz Conmebol

"O projeto já existia há muito tempo. O fato da quarentena (provocada pelo novo coronavírus) acelerou o processo. Antes da pandemia, já tínhamos feito reuniões para colocar o canal no ar neste ano. Nossa ideia é conversar com celebridades, iniciando com jogadores e ex-jogadores de futebol. Quero que eles falem um pouco da carreira e da família. Depois abrir o leque para o mundo artístico, trazendo cantores de pagode ou de outros segmentos, além de atores e atrizes", afirmou. Como atleta, Denílson disputou duas Copas do Mundo e atuou por clubes como São Paulo, Bétis/ESP, Bordeaux/FRA, Flamengo, Palmeiras, entre outros.

Na lista de possíveis convidados, Denílson contou quais gostaria de conversar no futuro. "Seria legal falar com Guardiola, um cara com significado grande no futebol. Atuei contra ele muito tempo no futebol espanhol. Zidane e jogadores de nível internacional também seriam interessantes de entrevistar", apontou. No fim de semana passado, o papo foi com Cafu e Edmilson, companheiros na campanha de 2002 do título da Copa do Mundo, realizada no Japão e Coreia do Sul.

A plataforma do apresentador terá uma grade recheada de conteúdos diários com desafios, história, perguntas, e quadros como “Jogaí Tio Desafio”, “Denilson, o show”, “Tá loko” e o “DiCamargo Show”. "Completo 10 anos na área da comunicação e me considero um cara fixo no jornalismo esportivo. Fico feliz porque era algo que, no início, eu não queria, mas a oportunidade surgiu. Confesso que tive uma insegurança no começo por ter de criticar pessoas que tinham jogado comigo recentemente. Parei de jogar em alto nível em 2008. Rodei um pouco o mundo tentando jogar futebol e, a partir de 2010, entrei na comunicação. O que mais aprendi ao longo dos anos é o equilíbrio da informação com credibilidade e seriedade, mas também com humor", frisou.

Veja também

Atlético/MG vence Bahia e fatura título do Brasileirão 2021Futebol

Atlético/MG vence Bahia e fatura título do Brasileirão 2021

Uniforme novo do Santa Cruz vaza nas redes sociais; confiraSanta Cruz

Uniforme novo do Santa Cruz vaza nas redes sociais; confira