Derley diz que sair da lanterna é um desafio a mais para o Tricolor

A derrota para a Ponte Preta e a vitória do América/MG sobre o Atlético/PR empurraram o Santa Cruz para a lanterna

Isaltino Nascimento, deputado estadualIsaltino Nascimento, deputado estadual - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

A vitória do América/MG sobre o Atlético/PR, no fechamento da 32ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, empurrou o Santa Cruz para a lanterna da competição. Uma situação incomoda, que se alia ao fato do clube está praticamente rebaixado para a Segunda Divisão. Ainda no discurso em defender a honra do clube, e a própria, tirar o Tricolor de tal posição é encarado pelos atletas como um novo desafio que servirá de motivação.

"É um desafio a mais sair da lanterna. Ninguém quer terminar na última colocação da Série A. Queremos terminar a Série A de forma digna", disse o volante Derley, que contra o Internacional, no próximo sábado, terá a oportunidade de enfrentar sua ex-equipe. "É uma satisfação jogar contra o Internacional. O Colorado me abraçou quando fui atuar lá. E fico feliz em enfrentar o ex-clube", completou.

Segundo Derley, ainda não passa por sua cabeça um planejamento para a temporada 2017. "Ainda não estou pensando no próximo ano. Tenho contrato com o Santa Cruz até o mês de maio de 2017", falou, pouco depois de reafirmar compromisso em ajudar o clube a melhorar seu desempenho na competição. "Ainda faltam seis jogos. Temos que terminar a Série A de forma digna e honrosa. O Santa Cruz tem história. A motivação sempre precisa existir independente do momento. É o sonho de qualquer jogador disputar a Série A", finalizou.

Veja também

Sem casos no Sport, Jair se solidariza com Kleina e Martelotte, diagnosticados com Covid
Sport

Sem casos no Sport, Jair se solidariza com Kleina e Martelotte, diagnosticados com Covid

Focado, Bileu busca se firmar entre os titulares à beira de fase decisiva
Santa Cruz

Focado, Bileu busca se firmar entre os titulares à beira de fase decisiva