Desfalcado, GSW não segura Toronto Raptors em Oakland

Os Raptors seguem na frente com 2x1 de vantagem sobre o oponente na série final

Kawhi Leonard e Stephen Curry foram os destaques do jogoKawhi Leonard e Stephen Curry foram os destaques do jogo - Foto: Noah Graham/NBAE/Getty Images/AFP

Em plena Oracle Arena, na Califórnia, O Toronto Raptors não tomou conhecimento do Golden State Warriors, e venceu o jogo 3 da final da NBA. Sem Kevin Durant e Klay Thompson, Curry teve noite iluminada, mas não foi o suficiente para bater os canadenses, que fizeram 123x109, na noite dessa quarta-feira (5). Com Kawhi Leonard mais uma vez comandando os companheiros dentro de quadra, os Raptors abriram 2x1 na série e mostraram que têm boas condições de ficar com o título.

Depois de lesionar a coxa esquerda no segundo jogo da série decisiva, Klay Thompson teve que assistir ao confronto do banco de reservas, e não pôde contribuir para a grande noite de Stephen Curry. Com 47 pontos, o camisa 30 tentava puxar o Golden State para cima, mas sem muito sucesso.

Os desfalques do Golden State fizeram com que o Toronto ficasse à vontade na Oracle Arena. À frente do placar durante todo o confronto, mais uma vez brilhou a estrela de Kawhi Leonard. Apesar de muito marcado, o camisa 2 foi autor de 30 pontos, sete rebotes e seis assistências. Além dele, Kyle Lowry também foi fundamental na vitória, com 23 pontos. No final do segundo quarto, Lowry anotou bela cesta de três para abrir 10 pontos de vantagem. Entretanto, com Curry ligado no duelo, os Warriors diminuíram para oito a diferença, e os times foram para o intervalo com o placar de 60x52.

A segunda e decisiva metade começou com muita disputa entre as equipes no garrafão. Principalmente no duelo particular entre Cousins e Gasol. Bom para Curry, que acertava cestas em sequência, e para os Raptors, que continuavam revezando seus pontuadores. Os canadenses terminaram o terceiro quarto com uma vantagem de 13 pontos: 96x83.

Leia também:
NBA: Drake rouba a cena com encarada e ofensas na final
Após empatar série final, GSW recebe Raptors no jogo 3


Nos 12 minutos finais, Leonard mantinha o bom desempenho, e Curry tentava colocar os companheiros em boas ocasiões de cesta. Responsável pelas principais jogadas, o craque do Warriors também se virava para ajudar na defesa. Em duas oportunidades, roubou bolas de Green e Gasol e ajudou o time a somar mais quatro pontos. Porém, sua boa atuação não foi páreo para o bom jogo realizado pelo Toronto. Para coroar a grande noite dos canadenses, VanVleet acertou cesta de muito longe e deu números finais ao confronto. Placar de 123x109.

As equipes voltam à quadra da Oracle Arena nesta sexta-feira (7), às 22h, pelo quarto jogo da série final.

Veja também

Brasil se impõe e goleia Peru em noite de testes de Tite
Copa América

Brasil se impõe e goleia Peru em noite de testes de Tite

Triênio e remuneração dos gestores: Conselho do Náutico propõe mudanças no Estatuto
Futebol

Triênio e remuneração dos gestores: Conselho do Náutico propõe mudanças no Estatuto